Piauí

Acidentes na BR 135 já deixaram 30 mortos apenas em 2017 no Piauí

O último caso aconteceu neste sábado (17), quando um ônibus de turismo tombou próximo à cidade de Redenção do Gurgueia, deixando pelo menos nove mortos.

BRUNA VELOSO

- atualizado

Nove acidentes com vítimas fatais já foram registrados na BR 135 apenas neste ano no Piauí, deixando, pelo menos, 30 pessoas mortas. Entre os meses de fevereiro e junho, a rodovia federal foi palco de diversas colisões, tombamentos e saídas de pista. O último caso aconteceu neste sábado (17), quando um ônibus de turismo tombou próximo à cidade de Redenção do Gurgueia, deixando pelo menos nove mortos e várias pessoas feridas.

O primeiro acidente registrado neste ano aconteceu no dia 26 de fevereiro próximo à cidade de Cristalândia do Piauí, no sudoeste do estado. Uma família de quatro pessoas morreu carbonizada no quilômetro 618 da rodovia, após colidir contra um caminhão tanque. Os ocupantes eram dois adultos e duas crianças, de apenas 8 e 13 anos.

Em março, outro acidente aconteceu no mesmo local da BR 135, em Cristalândia. Dos cinco ocupantes do carro, quatro morreram após o veículo sair da pista e colidir contra uma árvore. Um bebê de dez meses que estava no carro morreu após ser resgatado e levado para o hospital. Apenas um homem que estava no veículo sobreviveu. Ainda em março, uma colisão vitimou fatalmente duas pessoas na altura do quilômetro 365. O acidente envolveu uma Kombi e um ônibus. Ocondutor da kombi e a passageira morreram ainda no local.

  • Foto: DivulgaçãoAcidentes na BR-135Acidentes na BR-135

No mês de abril, um motorista identificado por Aislan Costa e Silva, de 29 anos, morreu também próximo à cidade de Cristalândia do Piauí. O condutor teria dormido sobre a direção e perdido o controle do veículo que dirigia, morrendo no local do acidente.

Maio foi o mês que mais houve registros de acidentes com mortos na BR 135. O primeiro vitimou uma mulher e um bebê de nove meses, que eram avó e neto, após o ônibus em que estavam tombar próximo a zona rural do município de Monte Alegre. O motorista teria perdido o controle e saído da pista, provocando o tombamento do veículo. Outro acidente provocou a morte de um motorista de caminhão no município de Corrente. Ele vinha com uma carga de tomates quando perdeu o controle do veículo.

Já no fim de maio, um estudante de matemática da Instituto Federal do Piauí (IFPI) morreu em um acidente de carro após perder o controle do veículo e sair da pista. A vítima foi arremessada do carro, que pegou fogo e ficou destruído.

No dia dos namorados, seis pessoas morreram após uma colisão frontal envolvendo uma caminhonete e um veículo de passeio no Sul do Piauí. O carro menor tinha sete ocupantes e o motorista da caminhonete, que teria provocado o acidente, se evadiu do local.

Tema em debate

Por conta dos graves acidentes registrados na rodovia, a BR 135acabou sendo tema de discussão durante a Marcha dos Prefeitos, realizada no mês de maio. Segundo o prefeito de Redenção Ângelo Sena, disse ao GP1, foi debatida a ampliação da estrada para diminuir o risco de acidentes no local.

Trânsito violento no Pauí

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Piauí divulgou na últimia quinta-feira (15), um levantamento apontando que 103 pessoas já morreram em acidentes de trânsito nas rodovias federais, que cortam o Piauí, apenas entre os meses de janeiro a junho deste ano. Foram 75 acidentes com mortos, de 674 acidentes no total.