Piauí - Cabeceiras

Advogado Ozires Machado é enterrado no dia do aniversário do pai

Ozires Machado Neto, de 28 anos, morreu após ter sido atingido com um tiro na cabeça, na noite de segunda-feira (11), no bairro Saci.

NAYRANA MEIRELES E GIL SOBREIRA

- atualizado

Foi enterrado na manhã desta quarta-feira (13), o advogado Ozires Machado Neto, de 28 anos, que morreu após ter sido atingido com um tiro na cabeçana noite de segunda-feira, no bairro Saci, zona sul de Teresina. Ozires foi enterrado no município de Cabeceiras do Piauí, onde nasceu.

Ozires é sobrinho do ex-prefeito de Cabeceiras, José Ozires. O pai do jovem, Paulo Ozires, faz aniversário hoje, um dia após a morte do filho. Uma multidão acompanhou o sepultamento do advogado.

  • Foto: DivulgaçãoAdvogado Ozires Machado Neto é enterrado em CabeceirasAdvogado Ozires Machado Neto é enterrado em Cabeceiras

O corpo de Ozires foi velado na Pax União, na Avenida Miguel Rosa, em Teresina desde a noite de terça e, por volta das 5h da manhã desta quarta, chegou à Cabeceiras, onde ficou por algumas horas na Igreja Matriz de São José, onde foi celebrada a missa de Corpo Presente. Após a missa, o corpo seguiu para o sepultamento.

  • Foto: DivulgaçãoAdvogado é enterrado em CabeceirasAdvogado é enterrado em Cabeceiras

Ozires Machado Neto morreu por volta das 11h05 desta terça-feira (12), de uma parada cardiorrespiratória, provocada por um traumatismo craniano, proveniente de uma lesão por um projétil de arma de fogo, transfixante, na cabeça.

Entenda o caso

O advogado identificado como Ozires de Castro Machado Neto, de 28 anos, foi alvejado com um tiro na cabeça por um homem na noite dessa segunda-feira (11), por volta das 21h. O crime ocorreu próximo da Praça do Saci, zona sul de Teresina, quando a vítima estava chegando em casa. Ozires é sobrinho do ex-prefeito de Cabeceiras, José Ozires.

De acordo com informações do tenente-coronel John Feitosa, somente a Polícia Civil poderá afirmar se o crime trata-se de uma tentativa de assalto ou execução. Ozires Neto ainda foi socorrido com vida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

O delegado Francisco Costa, o Barêtta, coordenador da Delegacia de Homicídios, iniciou as investigações sobre o assassinato ainda ontem.

MAIS NA WEB