Piauí - Teresina

Agente de portaria é assassinado dentro de casa no bairro Mafrense

De acordo com informações do delegado Higgo Martins, da Delegacia de Homicídios, o corpo estava submerso em uma área com lama, próximo a residência onde a vítima morava.

NAYRANA MEIRELES E THAIS GUIMARÃES

- atualizado

Corpo de homem de 30 anos é encontrado soterrado em lama

O agente de portaria identificado como Regivaldo Barbosa de Sousa, de 30 anos, foi assassinado a tiros dentro de sua residência na madrugada dessa sexta-feira (08) na comunidade Rastro da Cobra, região do bairro Mafrense, zona norte de Teresina. Seu corpo foi levado a um terreno baldio a poucos metros de sua casa, e foi encontrado por populares nessa manhã.

Equipes do Instituto Médico legal (IML) e da Delegacia de Homicídios estiveram no local. Enquanto o IML removeu o corpo, a Delegacia de Homicídios realizou buscas na casa da vítima. De acordo com o delegado Higgo Martins, o crime foi efetuado por mais de uma pessoa.

“Os autores do crime teriam invadido a residência por cima do telhado e efetuado disparos de armas de fogo. A vítima tem perfuração causada por instrumento de arma de fogo e posteriormente foi transferida para uma área alagada, onde foi submersa. Ele estava com o tronco submerso, apenas com a cabeça do lado de fora”, declarou o delegado.

Um detalhe chamou a atenção da polícia: Regivaldo foi encontrado com fones nos ouvidos. “Ele foi encontrado com fone de ouvido, então há essa possibilidade, de que ele não tenha ouvido realmente a invasão por parte dos autores do crime”, afirmou.

MAIS NA WEB