Piauí - Teresina

Agentes liberam visitas na Casa de Custódia de Teresina

Mais cedo, apenas 20 pessoas estavam autorizadas a entrar, o que, segundo o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí, poderia gerar indignação nos internos, com possibilidade de motim.

THAIS SOUZA E THAIS GUIMARÃES

- atualizado

Agentes em greve liberam visitas na Casa de Custódia

Os agentes penitenciários que realizam mobilização na manhã dessa sexta-feira (15) na Casa de Custódia de Teresina autorizaram a entrada de todas as visitas na unidade. Mais cedo, apenas 20 pessoas estavam autorizadas a entrar, o que, segundo o Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi), poderia gerar indignação nos internos, com possibilidade de motim. Os agentes estão em greve em todo o estado.

O diretor sindical do Sinpoljuspi, Jefferson Dias, explicou que a decisão de liberar as visitas partiu após o presidente do sindicato, José Roberto, se reunir com o desembargador Edvaldo Moura. O desembargador determinou, nessa quarta-feira (14), a garantia de no mínimo 60% do contingente de agentes penitenciários nas unidades prisionais do estado.

“Liberamos para mostrar para a Justiça que estamos cumprindo com a ordem do desembargador, mostrando que estamos de acordo”, declarou Jefferson Dias ao GP1.

Greve

Os agentes penitenciários estão em greve desde segunda-feira (11), em todas as unidades prisionais do Piauí. A categoria reivindica reajuste no valor do adicional de insalubridade. Segundo José Roberto, o valor pago hoje é de R$ 400,00, quando, por lei, deveria ser R$ 705,00.

MAIS NA WEB