Economia e Negócios

Apenas 27,2 mil vagas temporárias serão criadas no Natal

Pesquisa aponta que 31,4% dos empresários acreditam que vendas serão piores que em 2015.

NAYRANA MEIRELES

Levantamento feito nas 27 capitais e no interior do país pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) aponta que oito em cada 10 (84,6%) empresários não contrataram e nem pretendem contratar trabalhadores para este fim de ano, incluindo os temporários.

Segundo a pesquisa, apenas 15,4% dos empresários têm a intenção de reforçar o quadro de funcionários. Quando se leva em consideração o setor do varejo e serviços, 27,2 mil vagas extras deverão ser criadas, o que mostra cenário de estabilidade frente às 24,4 mil do ano passado.

  • Foto: DivulgaçãoNatalMercado Natalino

A principal razão dos empresários dos 46,6%  que não devem contratar, segundo a pesquisa é  não ver necessidade na ampliação do quadro de funcionários, acreditando que a equipe atual dará conta do volume de clientes aguardados para o período (46,6%). A expectativa de baixa renda no fim do no (13,2%) e a falta de dinheiro para pagar mão de obra extra (12,2%) também são justificativas para não fazer novas contratações.

A pesquisa também aponta que 45,9% disseram que não devem alterar a jornada de trabalho de seus funcionários por não haver um aumento significativo no número de clientes. De acordo com informações do G1, os  que vão aumentar o número de horas trabalhadas por dia da atual equipe são apenas 10,8% da amostra.


Link do texto:

Apenas 27,2 mil vagas temporárias serão criadas no Natal
http://www.gp1.com.br/noticias/apenas-272-mil-vagas-temporarias-serao-criadas-no-natal-402407.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.