Entretenimento

Artistas prestam homenagens à cantora Eliza Clívia

A cantora morreu em um acidente de carro com o marido na tarde dessa sexta.

SUYNARA OLIVEIRA

- atualizado

Diversos cantores de forró prestaram homenagens à cantora paraibana e ex-vocalista da banda Cavaleiros do Forro, Eliza Clívia, que morreu em um acidente de carro com o marido, o baterista Sérgio Ramos, na tarde dessa sexta-feira (16), em Aracaju, no Sergipe.

O cantor Welsey Safadão disse que o Forró está de luto e que Eliza deixou sua marca com suas canções. “O Forró está de luto. Muita luz para todos os familiares, amigos e fãs da @ElizaClivia, que se vai de forma tão inesperada, mas deixa sua marca no nosso forró com lindas canções”.

  • Foto: Reprodução/ Wesley Safadão/InstagramWesley Safadão também prestou homenagem Wesley Safadão também prestou homenagem

Já Xand, do Aviões do Forró, disse que a voz de Eliza vai continuar embalando os forrozeiros de todo o país. “Hoje, o forró se despede de uma parceira muito querida. Eliza Clívia nos deixa, mas sua voz segue embalando os forrozeiros Brasil afora”.

  • Foto: Reprodução/ Xand Avião Xand Avião presta homenagem à Eliza ClíviaXand Avião presta homenagem à Eliza Clívia

A banda Limão com Mel também prestou homenagem à cantora em seu Instagram. “A família @limaocommeloficial está muito triste com o falecimento da querida @elizaclivia nesta sexta. Descanse em paz e força a todos os familiares. Sua voz e carisma serão eternas em nossas lembranças”.

O vocalista da banda Gatinha Manhosa, Edson Lima, chamou Eliza de guerreria e desejou conforto à família, fãs e amigos da cantora. “A GM7producoes e eventos e nós que fazemos a @gatinhamanhosaoficial queremos, nesse momento, dar um pouco de conforto a toda família, fãs e amigos dessa guerreira que deixou plantada em nossos corações as suas linda canções”.

Relembre o caso

Na tarde dessa sexta-feira (16), a cantora paraibana Eliza Clivia, 36 anos, ex-vocalista da Banda Cavaleiros do Forró, e o marido, o baterista Sérgio Ramos, morreram em um acidente de trânsito no Centro de Aracaju.

A cantora, que iniciou a carreira solo há quatro meses, estava em Aracaju para a realização de entrevistas e de um show, que seria realizado na noite de sexta.