Entretenimento

Atriz Rogéria morre aos 74 anos no Rio de Janeiro

Atriz será velada a partir das 11h desta terça-feira (05).

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

Morreu na noite desta segunda-feira (04), vítima de choque séptico, a atriz Rogéria, de 74 anos. O corpo da atriz será velado a partir das 11 desta terça, no Teatro João Caetano, no centro do Rio. O enterro será na quarta-feira (06), na cidade de Cantagalo, região Serrana do Rio.

O corpo de Rogéria foi liberado do Hospital Unimed-Rio, onde ela estava internada, no fim da madrugada. Segundo a unidade hospitalar, ela estava internada desde 8 de agosto devido a um quadro de infecção urinária.

  • Foto: Divulgação/TV GloboAtriz RogériaAtriz Rogéria

De acordo com informações do G1, em 25 de agosto chegou a receber alta da Unidade de Tratamento Intensivo do hospital (UTI) e foi levada para o quarto. Em julho, ela tinha ido internada por duas semanas em uma clínica em Laranjeiras, por conta de uma infecção generalizada, desde então, seu quadro se agravou.

Carreira

Rogéria nasceu em Catagalo, cidade localizada a 200 km do Rio de Janeiro em 1946. Inspirada pelas vedetes de revistas, entrou no teatro. Começou a carreira na coxia, maquiando, até Fernanda Montenegro a incentivou. Astolfo Barroso Pinto virarava Rogéria, uma dama fluente em francês e em piadas rápidas, que fizeram Grande Otelo chama-la de “Uma arma de humor”.

Rogéria usava o epíteto ” A Travesti de Família Brasileira” para falar de si mesma, muitas vezes na terceira pessoa. Um título que conquistou com centenas de horas de horário nobre. Esteve em “Viva a Noite”, “Tieta”, “A Grande Família”, “Sai de Baixo”, “Malhação”, invadiu as casas pelo país com desenvoltura e até mesmo liberdade poética.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB