Piauí - Teresina

Bebê internado na UTI precisa de doação de sangue em Teresina

O pequeno, que nasceu prematuro, está precisando de doação de sangue dos tipos A+, A-, O+ e O-.

THAIS GUIMARÃES

- atualizado

O recém-nascido Cauã Brandão Dias Cronemberger está precisando de doação de sangue dos tipos A+, A-, O+ e O-. O pequeno, que nasceu prematuro, é filho da advogada Lina Teresa Costa Brandão, presidente da Comissão de Direito Penitenciário da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Secção Piauí.

Ao GP1, Lina Brandão contou que o filho está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) neonatal da maternidade Santa Fé. A mãe do bebê falou da dificuldade para encontrar sangue compatível. “O Cauã nasceu com 28 semanas, prematuro extremo, e até agora no Hemopi não conseguiram nenhum sangue compatível com o dele porque tem a questão de anticorpos, que tem que ser compatível, uma série de coisas por conta da prematuridade, por isso estamos precisando do maior número possível de doadores”, explicou.

Para realizar a doação, a pessoa precisa se dirigir ao Centro de Hematologia e Hemoterapia do Piauí (Hemopi). Ao doar o sangue, é necessário que o doador informe o nome completo do paciente que deve receber o sangue, nesse caso, Cauã Brandão Dias Cronemberger.

O Hemopi fica localizado no Centro de Teresina, próximo ao Hospital Getúlio Vargas, e funciona de segunda a sábado, das 7h30min às 18h.

Mais conteúdo sobre: