Piauí - Teresina

Câmara de Teresina vai discutir situação das maternidades

A audiência pública com a presença do presidente da Fundação Municipal de Saúde, Dr. Silvio Mendes acontece nesta quarta-feira (07/06), às 10h da manhã.

- atualizado

A Câmara Municipal de Teresina realizará nesta quarta-feira (07), às 10h, no plenário da Casa, uma audiência pública com a presença do presidente da Fundação Municipal de Saúde, Sílvio Mendes, para debater a situação das maternidades públicas de Teresina e outros assuntos relacionados a Saúde da capital. O requerimento solicitando a audiência é de autoria do vereador Dr. Lázaro Carvalho (PPS).

“O intuito é aproximar o poder legislativo, e por conseguinte, a comunidade, do poder executivo. Inclusive vamos aproveitar a presença do secretário para debater outras questões da saúde pública de Teresina. Esse tema todo dia é debatido na Casa, e ele fica vazio se não houver a participação da comunidade, das sociedades médicas, e inclusive dos representantes do poder executivo”, explicou Dr. Lázaro, que também é presidente da comissão de saúde da CMT.

  • Foto: Divulgação/AscomVereador Lázaro CarvalhoVereador Lázaro Carvalho

A pauta das maternidades entrou em discussão na Casa após uma denúncia feita por Dr. Lázaro, de que apenas nos quatro primeiros meses do ano, mais de 130 crianças morreram na maternidade Dona Evangelina Rosa, por falta de leitos de UTI.

“De certa forma houve uma piora na prestação de serviços médicos em Teresina, isso é inegável. O que a gente quer, do secretário [de saúde] principalmente, é que nos dê qual é a visão que está tendo, a solução que ele tem para esses problemas. A Casa está dando um crédito para o secretário, para que ele nos mostre o que é que ele tem em mente, num curto prazo”, completou.