Piauí - Curral Novo

Câmara fixa subsídio de R$ 13 mil para prefeito em Curral Novo

A lei entra em vigor a partir de 1º de janeiro de 2017, sendo que para esses valores fica vedada a adição de qualquer tipo de gratificação.

BÁRBARA RODRIGUES

A Câmara Municipal de Curral Novo do Piauí aprovou os novos subsídios do prefeito, vice-prefeito, vereadores, secretários municipais e cargos equivalentes para o exercício de 2017 a 2020.

Na lei de nº 001/2016, de 30 de setembro, os vereadores aprovaram um subsídio de R$ 13.900 mil para o novo prefeito que foi eleito no dia 2 de outubro, Júnior de Abel (PMDB), que derrotou o atual gestor Leônidas Lopes (PP).

O novo vice-prefeito irá receber R$ 6.950 mil, que corresponde a 50% do que o prefeito recebe. Já os vereadores vão ganhar R$ 5.300 mil e o subsídio do presidente da Câmara Municipal é um pouco maior, já que receberá R$ 7.950 mil. Já para os secretários municipais ou cargos equivalentes o valor é de R$ 2.900 mil.

A lei entra em vigor a partir de 1º de janeiro de 2017, sendo que para esses valores fica vedada a adição de qualquer tipo de gratificação. Esses subsídios ainda podem sofrer alteração levando em consideração o Índice Geral de Preços do Mercado (IGPM).


Link do texto:

Câmara fixa subsídio de R$ 13 mil para prefeito em Curral Novo
http://www.gp1.com.br/noticias/camara-fixa-subsidio-de-r-13-mil-para-prefeito-em-curral-novo-402283.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.