Piauí - Piracuruca

Chega a fase de alegações finais ação contra prefeito de Piracuruca

Na mesma ação, também são investigados o vice-prefeito Valter Cesar de Brito (PP) e o funcionário público Gilvan Fontenele dos Santos.

GIL SOBREIRA

- atualizado

Chegou a fase de alegações finais a ação de investigação judicial eleitoral – AIJE que pede a cassação do mandato do prefeito de Piracuruca, Raimundo Alves Filho (PSD), acusado de abuso do poder político e econômico no decorrer da campanha eleitoral. Na mesma ação, também são investigados o vice-prefeito Valter Cesar de Brito (PP) e o funcionário público Gilvan Fontenele dos Santos.

O Juiz Eleitoral da 21ª Zona, Rogerio de Oliveira Nunes, determinou ontem (18) a intimação das partes para a apresentação das alegações finais no prazo comum de 2 (dois) dias.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Prefeito de Piracucura Raimundo Alves FilhoPrefeito de Piracucura Raimundo Alves Filho

A ação foi ajuizada no dia 14 de dezembro de 2016 pela coligação “Unidos Por Piracuruca”, a frente o candidato derrotado Milton da Silva Melo (PP).

Outro lado

O GP1 entrou em contato com o prefeito de Piracuruca, Raimundo Alves Filho (PSD). Segundo ele, "a ação é decorrente de um suposto pedido para que um funcionário de uma escola estadual votasse em mim". Ainda segundo o gestor municipal, "essa denúncia não procede".

MAIS NA WEB