Ciência e Tecnologia

China e novos produtos elevam lucro da Lenovo

Segundo pesquisa, Lenovo tem 13,4% do mercado mundial de PCs.

G1

- atualizado

As fortes vendas na China ajudaram a Lenovo a registrar um aumento de 59% no lucro líquido trimestral, confirmando as expectativas de analistas em um momento no qual a segunda maior fabricante mundial de computadores começou a se diversificar mais agressivamente no segmento de smartphones, tablets e televisores inteligentes.

Os embarques de computadores da Lenovo na segunda maior economia mundial cresceram duas vezes acima da média do setor no trimestre, ajudando a companhia a apresentar alta nos lucros que superou os resultados da concorrente menor Dell.

À medida que a Lenovo se diversifica, analistas preveem que a empresa venha a superar a líder de mercado Hewlett-Packard, talvez já no ano que vem. A HP vai divulgar seus resultados trimestrais nesta quinta-feira (24).

“Apesar da desaceleração na economia chinesa, ela continua adiante dos Estados Unidos e da Europa e continuará a ser o propulsor para conduzir a Lenovo à liderança mundial em computadores, uma posição que ela deve alcançar", disse Arthur Liao, analista da Fubon Securities, em Taipé.

A Lenovo registrou lucro líquido de US$ 472,99 milhões no ano fiscal encerrado em março, anunciou a empresa, ante projeção média de US$ 472,2 milhões entre os 29 analistas consultados pela Thomson Reuters I/B/E/S.

No ano anterior, seu lucro líquido havia sido de US$ 273,236 milhões, afirmou a empresa em comunicado distribuído via bolsa de valores de Hong Kong. Isso significa que o lucro da companhia no quarto trimestre foi de US$ 66,8 milhões, ante uma projeção de US$ 66 milhões.

Os resultados da Lenovo contrastam com os da Dell, terceira maior fabricante mundial de computadores, que terça-feira (22) anunciou queda no lucro trimestral. A Lenovo supera a Dell já que a rival se concentra em produtos de alta margem enquanto a Lenovo busca ganhar volume e participação de mercado, disse Jonathan Ng, analista da CIMB Research, em Cingapura.

Rankings recentes mostram que o Lenovo tem 13,4% do mercado mundial, ante 18% para a HP e 11,6% para a Dell, de acordo com o grupo de pesquisas IDC.


Link do texto:

China e novos produtos elevam lucro da Lenovo
http://www.gp1.com.br/noticias/china-e-novos-produtos-elevam-lucro-da-lenovo-250336.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.