Piauí - Teresina

Cigano envolvido no assalto dos Correios de Pimenteiras é preso

Conforme a delegada Larissa, o cigano foi apresentado na sede da Polícia Federal pelo advogado dele.

THAIS SOUZA

- atualizado

Um dos ciganos acusado de ter realizado o assalto na agência dos Correios da cidade de Pimenteiras, no Piauí, em agosto de 2016, foi preso na tarde dessa última sexta-feira (19). Durante o assalto foi levado R$ 160 mil e até hoje nada foi recuperado do dinheiro.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Delegada Larissa MagalhãesDelegada Larissa Magalhães

De acordo com a delegada Larissa Magalhães, da Polícia Federal, o indivíduo que foi preso é casado com uma cigana e morava na cidade de Timon-MA. “Ele foi preso ontem (19) à tarde. O advogado dele apresentou ele espontaneamente. Ele teve participação direta no assalto. Através de outros elementos conseguimos chegar até ele, pois ele estava encapuzado no momento do crime”, informou ao GP1.

A Operação Nômade foi realizada com objetivo de desarticular uma quadrilha acusada de ter realizado o assalto na agência. Além disso, a operação foi deflagrada para cumprir dois mandados de prisão preventiva, sete de condução coercitiva e três mandados de busca e apreensão.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB