Piauí

Comandante estabelece perfil para concurso dos bombeiros do Piauí

A portaria foi publicada no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (13).

BRUNNO SUÊNIO

- atualizado

O comandante geral do Corpo de Bombeiros do Piauí, coronel Carlos Frederico Macêdo Mendes, assinou portaria em que estabelece o Perfil Profissiográfico do cargo de soldado bombeiro militar a ser exigido em concurso público para ingresso na corporação. A portaria foi publicada no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (13).

Segundo o artigo 1º fica estabelecida a profissiografia, bem como a identificação dos construtos psicológicos necessários ao bom desempenho das funções de soldado bombeiro, que deverá ser utilizado como indicadores durante a realização da avaliação psicológica em concursos públicos para ingresso na Corporação.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Coronel Carlos FredericoCoronel Carlos Frederico

Já o artigo 2º diz que a avaliação psicológica, para fins de seleção de candidatos (as), deverá ser um processo sistematizado, de levantamento e síntese de informações, com base em procedimentos científicos que permitem identificar aspectos psicológicos do (a) candidato (a) compatíveis com o desempenho das atividades e profissiografia do cargo.

O parágrafo único expõe que para proceder à avaliação o (a) psicólogo (a) deverá utilizar métodos e técnicas psicológicas que possuam características e normas reconhecidas pela comunidade científica como adequadas para recursos dessa natureza, com evidências de validade para a descrição e/ou predição dos aspectos psicológicos compatíveis com o desempenho do candidato em relação às atividades e tarefas do cargo, e aprovadas pelo Conselho Federal de Psicologia.

Clique aqui e confira a portaria completa a partir da página 6

MAIS NA WEB