Piauí - Teresina

Concurso da PM-PI reúne mais de 30 mil candidatos neste domingo

A aplicação da prova será de 9h às 13h, porém os portões foram abertos às 07h30 e serão fechados às 08h30.

THAIS SOUZA

- atualizado

A prova da primeira fase do concurso para soldado da Polícia Militar no Piauí será reaplicada na manhã deste domingo (09), depois da descoberta de fraude ocorrida no útimo dia 21 de maio. Os locais de provas dos candidatos inscritos foram mantidos. A aplicação da prova será de 9h às 13h, porém os portões foram abertos às 07h30 e serão fechados às 08h30.

Vale destacar que as provas objetivas serão realizadas somente em Teresina. As vagas são ofertadas em 10 cidades do interior do estado: Parnaíba, Floriano, Picos, São Raimundo Nonato, Piripiri, Avelino Lopes, Oeiras, Uruçuí e Corrente. Segundo o Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe), no total foram 32.010 inscritos, que vão disputar 480 vagas.

  • Foto: Thais Guimarães/GP1Pedro Soares, presidente do NucepePedro Soares, presidente do Nucepe

Para as vagas disputadas pelas mulheres, a maior concorrência é para Parnaíba com 221,44 inscritas para 1 vaga. Já para os homens, a concorrência maior é para a cidade de Piripiri, são 74,11 inscritos para uma vaga. Como medida e segurança, a elaboração das questões e a impressão da prova foram feitas em outro estado para evitar qualquer tipo de eventualidade.

Fraude

A prova referente a primeira etapa do concurso foi anulada no dia seguinte da aplicação, após o vazamento da prova de português. No dia do concurso, 21 de maio, 12 pessoas foram conduzidas ao Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) e autuadas em flagrante, com gabaritos e informações das provas.

Quase dois meses após a fraude, a Polícia Civil do Piauí, através do Greco, prendeu um segurança de um shopping da Capital, apontado como a pessoa que teve acesso à prova de português, responsável também por divulgar e vendê-la por R$ 2.000,00.