Mundo

Coreia do Norte diz que dará resposta ‘impiedosa’ se EUA atacar

Na véspera, Washington ordenou envio de grupo naval à península da Coreia para demonstração de força.

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

O exército da Coreia do Norte informou nesta sexta-feira (14), que “devastará impiedosamente” os Estados Unidos se Washington decidir atacar, num momento em que grupo de porta-aviões norte-americano se dirige à região em meio a temores de que os norte-coreanos possam conduzir um futuro teste de armas nucleares.

"Nossa ação mais dura contra os Estados Unidos e suas forças navais será tomada de forma tão impiedosa, de modo que os agressores não sobreviverão", disse em comunicado a agência de notícias oficial KCNA, citando o exército.

De acordo com informações do G1, o comunicado da agência, citando o recente ataque aéreo americano contra a Síria, afirma que "o governo do presidente Donald Trump entrou em um caminho de ameaças abertas e chantagem" para a Coreia do Norte.

  • Foto: DivulgaçãoLíder da Coreia do NorteLíder da Coreia do Norte

Donald Trump advertiu a Coreia do Norte na quinta-feira (13), ao afirmar que o governo de Pyongyang é "um problema que será atendido". "A Coreia do Norte é um problema, e um problema que será atendido", disse Trump na Casa Branca.

Trump disse ainda em diversas ocasiões que evitará que Pyongyang desenvolva um míssil nuclear capaz de atingir os Estados Unidos.

Mais conteúdo sobre: