Piauí - Teresina

Corpo é encontrado em avançado estado de decomposição em Teresina

Segundo informações da Polícia Militar, o Copom recebeu uma denúncia anônima de um morador da região, por volta das 9h45.

BÁRBARA RODRIGUES E ANDREIA SOARES

O corpo de um homem, sem identificação, foi encontrado em estado avançado de putrefação na manhã desta quinta-feira (17) no bairro Gurupi, na Rua Padre Solon Aragão, na zona sudeste de Teresina.

Segundo informações da Polícia Militar, o Copom recebeu uma denúncia anônima de um morador da região, por volta das 9h45, informando sobre o corpo de um homem localizado em um matagal próximo a uma rua sem saída. Os policiais J. Gomes e J. Oliveira foram até o local e encontraram o corpo em estado avançado de decomposição, onde a vítima já não tinha mais pele no rosto, apenas os ossos da face.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Perícia criminal no localPerícia criminal no local

Em entrevista ao GP1, o cabo J. Gomes disse que o “Copom recebeu uma denúncia anônima hoje cedo e nos acionou. O corpo está irreconhecível, em sinal de putrefação, deve estar aí já alguns dias. Perto do corpo do homem, tem o corpo de um cavalo", afirmou o cabo J. Gomes.

O local foi isolado e a perícia foi acionada. Policiais da Delegacia de Homicídios foram até o local e encontraram algumas residências localizadas na Rua Padre Solon Aragão,que possuem câmeras de segurança, que devem ajudar na investigação.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Equipe da Delegacia de Homicídios foi até o localEquipe da Delegacia de Homicídios foi até o local
  • Foto: Lucas Dias/GP1Local do corpo é de difícil acessoLocal do corpo é de difícil acesso
  • Foto: Lucas Dias/GP1Perícia CriminalPerícia Criminal

Mais conteúdo sobre:

Link do texto:

Corpo é encontrado em avançado estado de decomposição em Teresina
http://www.gp1.com.br/noticias/corpo-e-encontrado-em-avancado-estado-de-decomposicao-em-teresina-404527.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.