Economia e Negócios

Correios vão lançar terceiro plano de demissão voluntária em 2017

Duas primeiras edições do programa tiveram corte de 6,2 mil empregados.

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

Os Correios vão lançar nos próximos dias um terceiro e mais flexível plano de demissão incentivada deste ano, ação para reduzir custos com benefícios a empregados e tentar evitar o terceiro ano consecutivo de prejuízos.

Nas duas primeiras edições do programa, a empresa desligou 6,2 mil empregados. Agora os Correios pretendem eliminar a exigência de idade mínima de 55 anos, abrindo a adesão a todos os empregados com ao menos 15 anos de empresa. De acordo com informações do G1, o público alvo é de 5 mil pessoas.

  • Foto: Brunno Suênio/GP1Correios em TeresinaCorreios em Teresina

Atualmente com 108 mil empregados, a empresa enfrenta os resultados de anos de má gestão e expectativa de receita cadente, à medida que o serviço postal gradualmente perde espaço para outros canais de comunicação, como a telefonia móvel. Após ter prejuízo anual da ordem de R$ 2 bilhões em 2015 e 2016, a estatal corre para reduzir drasticamente suas despesas e assim evitar ter que ser capitalizada pelo governo.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB