Política

Deputado Heráclito Fortes não teme expulsão do PSB

“Se tiver expulsão e aí? No momento em que as pessoas vão para Conselho de Ética por corrupção ou outras questões, mas você ir por rebeldia talvez seja até mérito", disse o deputado.

GERMANA CHAVES

- atualizado

O deputado federal Heráclito Fortes assegurou ao GP1, nesta segunda-feira (31), que não teme ser expulso do PSB por se posicionar contrário às orientações da executiva nacional da sigla. O piauiense está com o nome no Conselho de Ética do partido por não seguir as ordens de votar a favor da admissibilidade da denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) pelo crime de corrupção passiva.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Heráclito Fortes Heráclito Fortes

“Se tiver expulsão e aí? No momento em que as pessoas vão para Conselho de Ética por corrupção ou outras questões, mas você ir por rebeldia talvez seja até mérito. Não é isso que me preocupa. A única maneira de eu deixar o partido é por expulsão, em outro caso eu corro o risco de perder meu mandato e eu o trato com tanto carinho, o consegui com tanto sacrifício e não posso desapontar o povo do Piauí. Estou amarrado pela legislação partidária”, disse Heráclito.

O deputado federal ainda comentou o assédio de outras legendas, mas avisou que não tem motivos para deixar o PSB. “Eu tenho convite de vários partidos, mas tenho compromisso com o PSB. Entrei a convite de Eduardo Campos e com apoio do Wilson Martins. Eu sou homem de decisões diretas e não sou de subterfúgio. Na hora que eu tomar uma decisão vocês serão comunicados”, avisou o socialista.