Piauí

Doze candidatos são presos durante "Operação Eleições" no Piauí

Foram registrados ocorrências policiais em 28 cidades do interior do Estado.

BÁRBARA RODRIGUES E PRISCILA CALDAS

Nesta segunda-feira (3), o secretário de Segurança Pública, Fábio Abreu; o delegado geral, Riedel Batista, e o comandante do Corpo de Bombeiro (CBM), coronel Carlos Frederico, concederam uma entrevista coletiva para fazerem um balanço geral sobre a “Operação Eleições” no Piauí.

Segundo Riedel Batista, a atuação de forma integrada das forças de segurança do Estado conseguiram garantir que as eleições ocorressem sem maiores problemas, através da participação de seis mil policiais militares, 400 policiais civis e 69 do Corpo de Bombeiros.

  • Foto: Priscila Caldas/GP1Operação Eleições 2016Operação Eleições 2016

“Foi um trabalho que foi feito com planejamento. Fizemos várias eleições para chegar nesse ponto, onde as pessoas pudessem votar com tranquilidade. Tivemos uma operação integrada com a participação de mais de seis mil policiais. 52 pessoas foram conduzidas, sendo que 12 eram candidatos, e autuadas em flagrante; além de 9 armas de fogo e cerca de R$ 95 mil apreendidos. A atuação de forma firme da polícia fez com que as eleições ocorressem de forma tranquila. Agora esses procedimentos adotados estão à disposição da Justiça e a nossa parte, em relação ao pleito, estão se encerrando hoje (3)”, disse o delegado geral. Desse número de pessoas conduzidas, três foram por transporte irregular, 21 por compra de votos e 16 foram ouvidas e liberadas em seguida.

  • Foto: Priscila Caldas/GP1Riedel BatistaRiedel Batista

O secretário Fábio Abreu comentou a prisão de sete pessoas em Lagoa Alegre em uma disputa política. “Os policiais foram encaminhados com certa antecedência, fazendo policiamento na cidade e apuraram as informações repassadas. Quero esclarecer que não foi feita a apreensão [de armas] ou prisão de um só lado, mas de dois candidatos. Havia uma ideia de defesa por parte deles, que entenderam de forma equivocada que poderiam utilizar escolta armada, o que não é permitido e por isso foram autuados em flagrante”, disse o secretário de segurança pública, que afirmou também que não foi registrada nenhuma ocorrência grave.

  • Foto: Priscila Caldas/GP1Fábio AbreuFábio Abreu

Quanto a atuação do Corpo de Bombeiros, o comandante afirmou que não foi registrada nenhuma normalidade nesse período. “Não fugiu do que a gente rotineiramente enfrenta. Tivemos um acidente infeliz em Beneditinos, onde uma pessoa veio ao óbito, mas no quadro geral, foi um dia tranquilo, dentro daquilo que se pode esperar. Tudo dentro da normalidade diária. Foram 90 ocorrências em três dias, e no dia do pleito houve até uma redução [das ocorrências]”, explicou.

  • Foto: Priscila Caldas/GP1Coronel Carlos FredericoCoronel Carlos Frederico

As ocorrências policiais foram registradas em 28 cidades do interior do Estado, e entre as armas apreendidas, estão três revólveres em Lagoa Alegre, um revólver em Altos, uma espingarda em Barras, três revólveres em Patos e uma pistola em Castelo do Piauí.

As 28 cidades que registraram ocorrências foram: Altos, Barras, Barreiras do Piauí, Beneditinos, Buriti dos Lopes, Campo Maior, Castelo do Piauí, Colônia do Piauí, Curimatá, Dirceu Arcoverde, Fartura do Piauí, Fronteiras, Gilbués, Inhuma, Jatobá do Piauí, José de Freitas, Lagoa Alegre, Marcos Parente, Miguel Alves, Murici dos Portelas, Oeiras, Padre Marcos, Parnaguá, Pimenteiras, Piripiri, Ribeiro Gonçalves e Valença do Piauí.


Link do texto:

Doze candidatos são presos durante "Operação Eleições" no Piauí
http://www.gp1.com.br/noticias/doze-candidatos-sao-presos-durante-operacao-eleicoes-no-piaui-402222.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.