Piauí - Teresina

Dr. Pessoa comenta derrota na disputa política pela prefeitura

Dr. Pessoa fez uma avaliação do resultado e agradeceu aos eleitores que lhe concederam confiança durante a campanha.

BRUNNO SUÊNIO E PRISCILA CALDAS

- atualizado

Dr. Pessoa aguardando o resultado das eleições

O candidato à Prefeitura Municipal de Teresina (PMT), Dr.Pessoa (PSD), comentou a derrota sofrida nas urnas neste domingo (2), após acompanhar o resultado da disputa acirrada das eleições 2016 no comitê de campanha, localizado na zona sul de Teresina.

De acordo com o candidato, que obteve 39,77 dos votos válidos, o resultado desfavorável ocorreu em virtude da falta de estrutura no decorrer da disputa eleitoral, mas afirmou que vai dar continuidade ao trabalho realizado à população e agradeceu aos eleitores os quais ele intitulou de “40% contra os roedores da democracia brasileira”, desabafou.

“Quero agradecer aos vereadores que me acompanharam; a militância, que mesmo pequena, me acompanharam em busca dos votos em Teresina. Eu me orgulho do povo de Teresina. Um simples cidadão ter em torno de 40% dos votos”, afirmou Dr. Pessoa.

“Eu agradeço a Deus e a esse povo maravilhoso, agora repúdio a falta de democracia. No meu panfleto diz ‘nunca haverá paz sem justiça social’, nunca haverá paz com esses agressores das pessoas mais vulneráveis invadindo os lares com poder econômico, para mudarem os rumos, os destinos de uma sociedade”, continuou.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Dr. PessoaDr. Pessoa

Questionado sobre o que faltou, para chegar ao segundo turno, Dr. Pessoa respondeu que sentiu falta de estrutura, mas também continuou alfinetando o lado opositor.

“Faltou estrutura. Não é estrutura para invadir os lares das famílias teresinenses. É estrutura para andar. Meu partido deu menos da metade do marqueteiro que fez a minha ‘marquetagem’ política e só. E só. Eu não tenho influência do poder político, do poder econômico, só influência de Deus e do povo de Teresina. A este eu devo muito. A este eu devo muito. O povo de Teresina. Um simples cidadão enfrentando um ‘blocão’ com mais de 20 partidos, enfrentando um ‘blocão’ com 400 candidatos a vereadores”, destacou.

Sobre um recado que pretende deixar ao candidato reeleito, Firmino Filho (PSDB), Dr. Pessoa disse: “eu quero que ele cumpra o compromisso que ele fez com o povo. Ele que é um prefeito de promessas, mas não é de compromisso. O Dr. Pessoa faria diferente, mas Deus não quis. O povo se esforçou bastante. A invasão do poder econômico foi grande. Para a justiça, eu digo: só haverá paz, se houver justiça. Sem justiça, não haverá paz no mundo”.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1 Dr Pessoa Dr. Pessoa

“O povo, o Brasil, o mundo inteiro está precisando de cidadão correto, de cidadão que não fique preocupado com o rastro que faz, mas que fica preocupado com as questões sociais, com a democracia, que é o melhor regime que existe. José Saramago disse que a democracia ‘tá’ com odor. Lógico que ele disse com outra palavra, mas ‘tá’ com um odor fértido, e o Paulo Freire, outro grande estudioso, outro intelectual disse o seguinte, lógico que com outras palavras: o povo brasileiro não ‘tá’ precisando de esmola, ‘tá’ precisando de atitude que venha fortalecer a justiça social”, complementou o candidato.

Por fim, o deputado estadual prometeu continuar como sempre foi. “Desde os cinco anos de idade que eu trabalho. Vou continuar trabalhando como médico, como deputado [estadual]. Coisa que eu sempre fiz como médico. Há 40 anos que eu venho cuidando da humanidade como médico. Eu vou dar continuidade nesse trabalho. Agora o plano político, eu não tenho planos nesse momento. Eu só tenho a agradecer o povo de Teresina carinhosamente por esse momento, por essa caminhada, por essa determinação em dar 40% contra os roedores da democracia brasileira”, finalizou.

Mais conteúdo sobre:

Link do texto:

Dr. Pessoa comenta derrota na disputa política pela prefeitura
http://www.gp1.com.br/noticias/dr-pessoa-comenta-derrota-na-disputa-politica-pela-prefeitura-402161.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.