Mundo

Duplo atentado a Parlamento mata mais de 30 no Afeganistão

Grupo de insurgentes Talibã assumiu o ataque.

NAYRANA MEIRELES

- atualizado
  • Foto: Mohammad Ismail/ReutersFeridos sendo resgatadosFeridos sendo resgatados

O porta-voz do Ministério da Saúde, Wahidullah Majroh informou nesta terça-feira (10), que pelo menos trinta pessoas morreram e oitenta ficaram feridas no duplo atentado ocorrido nas imediações do Parlamento afegão, na zona oeste de Cabul.

“Uma das explosões foi causada por um homem-bomba que estava a pé e a outra por um carro-bomba”, confirmou a fonte de segurança. De acordo com a Veja, os insurgentes talibãs reivindicaram imediatamente o duplo atentado, realizado na hora de maior circulação no complexo legislativo.

Segundo o porta-voz do Talibã, Zabiullah Mujahid, o grupo tinha como alvo membros das agências de inteligência do Afeganistão. Segundo a imprensa local, a maioria das vítimas é de civis e funcionários do Parlamento.

Mais conteúdo sobre: