Piauí - Teresina

Empresário envolvido em furto aos Correios é procurado em Teresina

Ao todo foram cumpridos 01(um) mandado de prisão preventiva, 01(um) mandado de condução coercitiva e 06 (seis) mandados de busca e apreensão.

THAIS SOUZA

- atualizado

A Polícia Federal (PF) do Piauí com apoio Grupo de Repressão ao Crime Organizado (GRECO), deflagrou a “Operação Aliança”, com intuito de desarticular uma organização criminosa responsável pelo arrombamento da agência dos Correios no Shopping da Cidade, em Teresina, no último dia 05. De acordo com a delegada Larissa Magalhães, da PF, um empresário do ramo de venda de motocicletas, em Teresina, está foragido. Na manhã dessa sábado (20), um dos envolvidos no crime foi preso pela Polícia Civil.

De acordo com a delegada Larissa, falta um mandado para ser cumprido. “Ele é um empresário, dono de um comércio de motos em Teresina. Está considerado foragido a partir do momento que a gente foi na casa dele e nas casas dos familiares dele e ele não se apresentou”, informou a delegada.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Delegada Larissa MagalhãesDelegada Larissa Magalhães

Ao todo foram cumpridos 01(um) mandado de prisão preventiva, 01(um) mandado de condução coercitiva e 06 (seis) mandados de busca e apreensão, todos expedidos pela 1ª. Vara Federal –Secção Piauí. Na ocasião do cumprimento dos mandados executados na cidade de José de Freitas/PI, foi realizada uma prisão em flagrante. Os presos foram conduzidos para a sede desta Superintendência Regional para a realização dos procedimentos de praxe no âmbito desta Polícia Federal, os quais encaminhados na segunda-feira (22) à Casa de Custódia desta capital, onde ficarão à disposição da Justiça.

“A gente conduziu uma pessoa para prestar esclarecimentos, pois existe um vínculo muito forte que essa pessoa tem envolvimento com um dos assaltantes que foi preso. Tem um pessoa presa preventivamente. Além disso, uma pessoa foi presa em flagrante pela Polícia Civil, e foi encontrado uma arma na casa do pai dele, que era um dos alvos do mandado de prisão preventiva. A pessoa que foi presa hoje não tem envolvimento direto no crime, mas ele tinha todo o conhecimento. Ele que fez a ligação entre os criminosos”, finalizou Larissa.


MAIS NA WEB