Mundo

Estado Islâmico confirma morte de chefe de propaganda

Terroristas fizeram comunicado homenageando o líder na internet.

NAYRANA MEIRELES

O grupo extremista Estado Islâmico confirmou nesta segunda-feira (10), a morte de seu chefe de propaganda, Wal'il Adil Hasan Salman Al-Fayad. De acordo com o G1, ele teria sido morto em um ataque aéreo liderado pelos Estados Unidos na província síria de Raqqa.

Um comunicado online publicado pelo grupo militante homenageou Wa’il Adil Hasan Salman al-Fayad, também conhecido como Abu Mohammed al-Furqan. Mês passado um ataque aéreo da coalizão liderada pelos EUA em 7 de setembro atingiu a região em que o líder se encontrava.

  • Foto: DivulgaçãoEstado IslâmicoEstado Islâmico

A declaração do Estado Islâmico se referiu a al-Fayad como chefe de seu braço de mídia e os EUA se referiu a ele como ministro da informação responsável por supervisionar a propaganda do EI e um membro proeminente do seu Conselho Shura, ou grupo de liderança.

Mais conteúdo sobre: