Piauí - Castelo do Piauí

Estupro contra criança durou uma semana em São João da Serra

“Inicialmente ele negou, mas depois ele foi confrontado com o vídeo e depoimento da vítima, então confessou o crime", afirmou o delegado Renato Pinheiro.

PRISCILA CALDAS

- atualizado

Um homem identificado apenas por Júlio, conhecido por "Bila", de 29 anos de idade, que foi preso pela acusação de estupro contra uma criança de nove anos de idade, em São João da Serra, no Norte do Estado, confessou o crime. A informação foi repassada ao GP1 neste sábado (19) pelo coordenador da Delegacia da Polícia Civil (DPC) de Castelo do Piauí, Renato Pinheiro.

A prisão do acusado aconteceu na quinta-feira (17), após a mãe denunciar o caso ao Conselho Tutelar. A denúncia ocorreu após ela desconfiar de algumas atitudes da filha. A Polícia Civil informou que durante depoimento, o acusado assumiu que acariciava e beijava a criança.

“Inicialmente ele negou, mas depois ele foi confrontado com o vídeo e depoimento da vítima, então confessou o crime. Ele é uma pessoa muito rústica, não sabe nem se expressar. A gente tenta descobrir mais detalhes do caso e isso só será possível após um exame de conjunção carnal, que deve ter sido realizado em Teresina, mas mesmo que dê negativo, isso não vai destituir o crime, pois de fato houve o ato libidinoso. Ele acariciava as partes íntimas da criança”, afirmou o delegado Renato Pinheiro.

“Ele adquiriu a confiança da família e frequentava a residência dos familiares, então de uma semana para cá, ele começou a abusar sexualmente dessa menina. A mãe começou a notar um comportamento diferente da filha, que estava um pouco agressiva e começou a perguntar para ela e ela confessou para mãe que estava sofrendo abuso sexual do padrasto. A mãe temendo que a situação não fosse comprovada, orientou a filha para que gravasse com um celular o abuso sexual e assim foi feito”, finalizou.

Ainda na quinta-feira (17), a vítima foi encaminhada para Teresina, para realização de exames, a fim de confirmar se houve conjunção carnal. O auto de flagrante já foi lavrado pela Polícia Civil, e o poder judiciário e o Ministério Público já foram informados do caso. O delegado Renato Pinheiro informou também que aguarda o laudo do Serviço de Apoio à Mulher Vítima de Violência Sexual (Samvis), para poder então relatar o inquérito e assim indiciar o acusado de estupro.

Júlio está preso na DPC de Castelo do Piauí, que é a mesma unidade prisional que José Elismar, suspeito de ter estuprado a filha de dez anos, também está detido.


Link do texto:

Estupro contra criança durou uma semana em São João da Serra
http://www.gp1.com.br/noticias/estupro-contra-crianca-durou-uma-semana-em-sao-joao-da-serra-404660.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.