Piauí - Barras

Ex-primeira-dama Ana Maria de Sousa é condenada pela Justiça

A sentença foi dada em 27 de abril deste ano pelo juiz Thiago Coutinho de Oliveira, da Comarca de Barras.

RAISA BRITO

- atualizado
  • Foto: DivulgaçãoAna Maria de SousaAna Maria de Sousa

Acusada de acumulação irregular de cargos públicos, a ex-primeira-dama de Barras, Ana Maria de Sousa, esposa do ex-prefeito Francisco Marques, foi condenada em ação civil de improbidade administrativa e teve os direitos políticos suspensos por três anos, além do pagamento de multa civil de dez vezes o valor da maior remuneração percebida quando da ocorrência dos fatos (01/2011 a 08/2011). A sentença foi dada em 27 de abril deste ano pelo juiz Thiago Coutinho de Oliveira, da Comarca de Barras.

Entenda o caso

A ex-primeira-dama acumulou irregularmente os cargos de professora municipal, Secretária Municipal de Administração e Coordenadora Regional de Saúde do Município de Barras durante os meses de janeiro, fevereiro, março, junho e julho de 2011. Com base nas folhas de pagamentos dos exercícios de 2010 e 2011 do município, solicitadas ao Tribunal de Contas do Estado do Piauí – TCE/PI, com recebimento de valores de Ana Maria pelo exercício dos cargos de professora da rede municipal e comissionada da Secretaria de Administração, ficou comprovada a acumulação irregular dos cargos, o que configura improbidade administrativa.

Outro lado

Procurada pelo GP1 neste terça-feira (26), a ex-prefeita não foi localizada para comentar o caso.

Mais conteúdo sobre: