Política

Executivo BJ entrega lista da Odebrecht com nomes de 187 políticos

Segundo informações do Estadão, ele entregou para a operação uma planilha sobre doações no valor total de R$ 246.612.801,00 milhões.

BÁRBARA RODRIGUES

Um dos delatores da Operação Lava Jato, é o executivo da Odebrecht, Benedicto Júnior, mais conhecido como BJ. Segundo informações do Estadão, ele entregou para a operação uma planilha sobre doações no valor total de  R$ 246.612.801,00 milhões, referentes a caixa 2, que foram repassadas a 187 políticos brasileiros.

  • Foto: Dida Sampaio/Estadão ConteúdoAécio NevesAécio Neves aparece como um dos beneficiados

As doações dos R$ 246 milhões ocorreram entre 2008 e 2014. A suspeita principal é que uma parte desses valores que foram repassados aos políticos como caixa 2, seriam na verdade propina. Todas essas doações foram feitas apenas pelo Benedicto Júnior, como executivo da Odebrecht, e alguns dos políticos beneficiados não estavam concorrendo nas eleições.

A planilha apresentada está extremamente organizada e detalha os valores de cada doação. Ele também entregou um documento destacando o “codinome” que cada político recebeu para ser identificado.

Confira aquia planilha com os repasses

Confira aqui a lista com os codinomes

Entre os políticos beneficiados está Eliseu Padilha (PMDB), que recebeu o codinome de ‘Agorá’ e foi beneficiado com R$ 7,2 milhões, destinados à sua campanha para deputado federal em 2014. O senador Aécio Neves (PSDB), que foi chamado de “Mineirinho”, também aparece na lista como tendo recebido R$ 5,25 milhões para sua campanha ao Senado em 2010.

  • Foto: Werther Santana/Estadão ConteúdoEliseu Padilha Eliseu Padilha

Gilberto Kassab (PSD) aparece como tendo recebido em 2008 e 2014, um valor total de R$ 21.251.676,00 milhões. Ele era chamado de ‘Kibe’, ‘Chefe Turco’ e ‘Projeto’. O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, é outro que aparece na lista, sendo beneficiado em duas eleições, em 2010 e 2014, recebendo um valor total de R$ 9,6 milhões. Ele era chamado por Benedicto Júnior como ‘Belém’ e ‘M&M’, no total de R$ 9,6 milhões.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Gilberto KassabGilberto Kassab


 

MAIS NA WEB