Ciência e Tecnologia

Fertilização in vitro a baixo custo

É possível recorrer à técnica de reprodução assistida sem gastar muito dinheiro. Veja alguns hospitais e centros médicos que oferecem descontos e até tratamentos gratuitos.

Abril.com

Não conseguir engravidar gera uma frustração ainda maior quando se descobrem os preços dos tratamentos nos centros de fertilização. Os valores variam de acordo com o tipo de procedimento e o problema enfrentado pelo casal. “Uma fertilização in vitro, por exemplo, não sai numa clínica particular por menos de 10 mil reais a tentativa”, conta Gilberto Freitas, responsável pelo Setor de Reprodução Humana do Hospital Pérola Byington, em São Paulo.

O hospital oferece desde 1990 um serviço gratuito, pelo SUS, para casais inférteis do Brasil inteiro. Mas é preciso paciência, pois a fila de espera chega a ser de três anos. Tempo suficiente para muitos casais resolverem suas dificuldades sem a ajuda da tecnologia. “A taxa de gravidez na fila é de 19%”, revela Freitas.

Nem sempre é preciso esperar tanto para fazer um tratamento. Outras instituições no país oferecem descontos e preços acessíveis. Mas atenção: na hora de fazer o cadastro nesse tipo de programa, não se esqueça de incluir no cálculo os gastos com medicamentos e exames. No geral, testes mais específicos e remédios não são subsidiados pelo sistema público de saúde. Para estimar o valor total do orçamento, peça ajuda ao médico.

Confira os locais que oferecem tratamentos de reprodução humana gratuitos ou a preços acessíveis:

São Paulo

Hospital Pérola Byington
Gratuito


Como funciona: o tratamento é gratuito. Os interessados devem agendar uma consulta no hospital público de São Paulo. Para isso, basta ligar na terceira quarta-feira de cada mês a partir das 8 horas, para os seguintes números: (11) 3112-1210 ou (11) 3104-2785. Entre 40 e 50 pacientes são atendidas mensalmente. Após os exames e a visita ao médico, é necessário aguardar o tratamento numa fila de espera de até três anos. O critério de seleção é a ordem de chegada – não há análise socioeconômica. O programa já tem medicamentos incluídos e é válido para pessoas de qualquer parte do país.

Endereço: rua Santo Antônio, 630
Informações: hospitalperola@ig.com.br
Telefones: (11) 3248-8000 (PABX do hospital)

Hospital São Paulo
Desconto de até 60%

Como funciona:
há desconto de até 60% no tratamento. No primeiro dia útil do mês, os interessados de todo o país podem ligar na Central de Reprodução Humana, no número 0800-7723322, das 10 às 17h30. São aceitos novos pacientes até completar o número de vagas mensais, que varia de 50 a 100, dependendo da disponibilidade do hospital no período. Quem conseguir um lugar assistirá à palestra sobre a reprodução humana, marcada para o primeiro sábado do mês seguinte. Depois do encontro explicativo, os casais passam pelos exames e pela consulta médica e partem para o tratamento com profissionais da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). Não há fila de espera nem análise de renda. A fertilização in vitro custa de R$ 6 mil a R$ 7 mil, e a inseminação, R$ 2 mil, incluindo as medicações.

Projeto Beta
Descontos de até 40%


Como funciona: nessa iniciativa, localizada na capital paulista e fundada por especialistas da área e professores universitários, é oferecido um desconto de até 40% no tratamento. A primeira consulta custa R$ 170 e deve ser agendada pelo número (11) 3826-7017, de segunda à sexta das 8 às 17h30. O médico faz os exames básicos de fertilidade e marca o retorno dos pacientes. Ao voltar à clínica, o casal é entrevistado por um assistente social, que analisará a situação financeira e estipulará a porcentagem de desconto concedida. Há abatimento também nos medicamentos. No número telefônico, pode-se ainda reservar vaga para a palestra gratuita sobre técnicas de reprodução assistida, que o Projeto promove uma vez ao mês. Sempre aos sábados, a partir das 9 horas, o encontro esclarece as principais dúvidas dos participantes sobre o assunto.

Santo André

Faculdade de Medicina do ABC
Descontos de até 70%

Como funciona:
há descontos de até 70% no tratamento. Professores e médicos residentes do hospital universitário atendem cerca de 100 mulheres por mês. O agendamento da consulta, gratuita, é feito no número (11) 4993-5401, de segunda à sexta das 8 às 17 horas. Estima-se em dez dias o tempo de espera para a primeira visita ao médico, que inclui uma palestra sobre a reprodução humana. Depois dos exames, não é necessário aguardar em uma fila para fazer o procedimento recomendado. O custo estimado da fertilização in vitro é de R$ 4 mil a R$ 5 mil e a inseminação sai por R$ 600, incluindo as medicações. Não há a análise de renda. Os exames podem ser feitos pelo SUS ou pelo convênio médico e o programa atende casais de todo o país.

Ribeirão Preto

Hospital das Clínicas
Gratuito

Como funciona:
o tratamento é gratuito e o serviço é exclusivo para pacientes do interior paulista. Os interessados devem ir a um posto de saúde em sua cidade, que encaminhará o pedido para a divisão regional até chegar ao hospital. Não há a análise socioeconômica e a fila de espera é de cerca de um ano. Os tratamentos são realizados pelos professores e médicos residentes da instituição universitária. Os custos com medicamentos variam entre R$ 2 mil e R$ 3 mil e devem ser pagos pelo casal.

Rio de Janeiro

Projeto Vida
Gratuito

Como funciona
: há tratamentos gratuitos e com desconto de 50%, mas apenas casais com renda até R$ 2,3 mil podem se inscrever no site da clínica carioca Pró Nascer Pró Nascer para uma palestra sobre a reprodução humana, que acontece a cada dois meses. No encontro, com 90 casais, são sorteados dez tratamentos gratuitos, a serem realizados pelos profissionais da instituição, para pessoas com renda até R$ 1,2 mil e dez descontos de 50% para quem ganha entre R$ 1,2 mil e R$ 2,3 mil. Nesse caso, a tentativa da fertilização in vitro sai por R$ 3.960, parcelados em duas vezes. Os medicamentos não estão incluídos no valor.

Todo o país

Programa Acesso
Desconto de 50%

Como funciona:
para participar, é necessário que a renda do casal não ultrapasse R$ 3.850. Não existe seleção, fila de espera e vagas delimitadas, mas é preciso comprovar os rendimentos e preencher um questionário disponível nas 72 clínicas conveniadas em todo o país. Para saber se existe alguma na sua cidade, basta acessar o site ou ligar no número 0800-113321. O programa foi criado pela Vidalink, uma empresa de gestão de benefícios de medicamentos, e tem o patrocínio do laboratório Merck Serono. O desconto é apenas para a fertilização in vitro, que custa entre R$ 9 mil e R$ 11 mil, incluindo os medicamentos. A primeira consulta, na qual o casal retira o formulário, é paga e varia de R$ 100 a R$ 280. Além do desconto, o programa permite o parcelamento no cartão de crédito em até 12 vezes.


Link do texto:

Fertilização in vitro a baixo custo
http://www.gp1.com.br/noticias/fertilizacao-in-vitro-a-baixo-custo-125051.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.