Mundo

Furacão atinge Cuba e deixa 1,3 milhão de pessoas desabrigadas

Em Cuba, cerca de 1,3 milhão de pessoas tiveram que deixar suas casas.

DEISE KESSLER

  • Foto: UolFuracão Matthew atinge CubaFuracão Matthew atinge Cuba

Nesta quarta-feira (05), o furacão Matthew, a tempestade mais forte a atingir o Caribe em quase uma década, chegou a Cuba e avançou para as Bahamas e os EUA após provocar pelo menos nove mortes no Haiti e na República Dominicana.

Em Cuba, cerca de 1,3 milhão de pessoas tiveram que deixar suas casas. O furacão tocou o solo cubano por volta das 19h locais de terça (20h em Brasília). Além de Guantánamo, o furacão deixou em alerta as províncias Santiago de Cuba, Camagüey, Holguín, Granma e Las Tunas.

De acordo com a Folha de São Paulo, os governos da Flórida e da Carolina do Sul, no sudeste dos EUA, começaram hoje a retirar moradores de algumas áreas da costa. O furacão deve chegar ao país nesta quinta-feira (6).

O presidente do Conselho de Defesa Municipal de Baracoa (departamento de Guantánamo), Tony Matos, informou que a previsão de ondas de três a quatro metros de altura e chuvas torrenciais com inundações.

Mais conteúdo sobre:

Link do texto:

Furacão atinge Cuba e deixa 1,3 milhão de pessoas desabrigadas
http://www.gp1.com.br/noticias/furacao-atinge-cuba-e-deixa-13-milhao-de-pessoas-desabrigadas-402366.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.