Economia e Negócios

IBGE aponta que renda do brasileiro encolheu 5,4% em 2015

O rendimento médio ficou em R$ 1.845 por pessoa ao mês.

NAYRANA MEIRELES

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta sexta-feira (25), dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2015, que apontam que o brasileiro ficou mais pobre em 2015, com o encolhimento do rendimento médio de tosas as fontes de renda em 5,4% em relação a 2014. O rendimento médio ficou em R$ 1.845 por pessoa ao mês.

De acordo com informações do G1, todos os tipos de renda registraram queda em 2015. O rendimento do trabalho passou de R$ 1.950 para R$ 1.853, queda de 5% na passagem de 2014 para 2015. Segundo a pesquisa, esse foi o primeiro recuo em termos reais em 11 anos.

  • Foto: Divulgação Sem dinheiroRenda do brasileiro enconlhe em 2015

A renda média domiciliar caiu de R$ 3.443 para R$ 3.186, equivalente a um corte de 7,5%. Todas as categorias do emprego registraram redução no rendimento médio mensal real do trabalho, principalmente os trabalhadores domésticos com carteira assinada, o que equivale a -3,1%.

A Pnad é realizada pelo IBGE desde 1967 e tem como objetivo produzir informações básicas para o estudo do desenvolvimento socioeconômico do País. O levantamento investiga características gerais da população e dados de educação, trabalho, rendimento e habitação.


Link do texto:

IBGE aponta que renda do brasileiro encolheu 5,4% em 2015
http://www.gp1.com.br/noticias/ibge-aponta-que-renda-do-brasileiro-encolheu-54-em-2015-404968.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.