Economia e Negócios

INSS convoca milhares de segurados para reavaliação de benefícios

Governo está revisando a concessão de auxílio-doença e aposentadoria por invalidez.

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

O Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) convocou milhares de segurados para reavaliação dos benefícios concedidos por auxílio doença e aposentadoria por invalidez. A lista foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (01).

De acordo com informações do G1, está sendo convocado quem não foi localizado ou está com endereço incompleto no cadastro do Sistema Único de Benefícios (SUB). No caso de não atendimento à convocação ou de não comparecimento na data agendada, o benefício será suspenso.

O Ministério do Desenvolvimento Social informou que 20,3 mil benefícios já foram cancelados devido ao não comparecimento dos segurados. Até o momento, foram enviadas 435 mil cartas de convocação. Ao todo, serão convocados 1,5 milhão de pessoas que há mais de dois anos estão sem perícia. Dessas, 530 mil recebem o auxílio-doença e mais de 1 milhão são aposentados por invalidez com menos de 60 anos.

  • Foto: DivulgaçãoPrevidência SocialPrevidência Social

Os convocados da lista têm o prazo de cinco dias, contados a partir da publicação desta terça, para entrar em contato com a central de teleatendimento no número 135, para conhecimento da data agendada para reavaliação do benefício por incapacidade. Na data agendada para a realização da perícia, deverá ser apresentada toda a documentação médica como atestados, laudos, receitas e exames.

Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social, o pente-fino nos benefícios por incapacidade do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já gerou uma economia de pelo menos R$ 2,6 bilhões para os cofres públicos.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB