Brasil

“Janot quer ser presidente da República”, diz Joesley em áudio

O áudio teria sido entregue acidentalmente à Procuradoria-Geral da República (PGR) .

BÁRBARA RODRIGUES

- atualizado

A Veja divulgou nessa sexta-feira (29) novos trechos da conversa envolvendo o Joesley Batista e Ricardo Saud, da JBS. A gravação aconteceu logo após eles conversarem com o então procurador-geral de Justiça Rodrigo Janot sobre a delação premiada. Na conversa Joesley disse acreditar que Janot teria interesse em ser candidato à presidência da república.

O áudio teria sido entregue acidentalmente à Procuradoria-Geral da República (PGR) pelos executivos da JBS e por causa das declarações constantes nele, Janot acabou cancelando o acordo de delação com os executivos da JBS e pediu a prisão deles por omissão de informações, já que ao aceitarem fazer a delação premiada, eles tinham concordado que iram repassar todos os dados e informações que tinham, o que não aconteceu.

  • Foto: Dida Sampaio/Estadão ConteúdoRodrigo JanotRodrigo Janot

Nessa gravação divulgada hoje, Joesley e Saud conversam logo após prestarem depoimento para Rodrigo Janot. Eles estavam indo para o aeroporto e conversavam também com o diretor jurídico do grupo, Francisco de Assis e Silva. Eles já haviam divulgado informações para a PGR sobre Michel Temer (PMDB) e Aécio Neves (PSDB) e questionam sobre o interesse de Janot.

“Achei que ganhamos eles”, diz Saud. “Nós só temos um risco”, pondera Assis e Silva. “O compromisso político do Janot com o Temer”, completa Silva, dando a entender que havia alguma aliança entre o procurador e o presidente.

Saud adverte: “Mas não tem (o risco) com o Aécio (…). Nós temos as duas opções. Ele não pode se dar bem com o PSDB e o PMDB”, completa, sugerindo que Janot não teria condições de proteger tucanos e peemedebistas simultaneamente. O diretor jurídico então conclui: “Eles (os procuradores) querem f… o PMDB”. Em outro momento, Joesley diz: “Janot quer ou ele ser o presidente da República, ou indicar quem vai ser”.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB