Política

Júlio Arcoverde discorda de Robert quanto a união de partidos

"Estamos conversando com o governador Wellington Dias e eu acho que até em dezembro a gente chega a um denominador em comum", afirmou o parlamentar.

PRISCILA CALDAS

“PMDB, PP, PSDB e PSB estarão juntos nas eleições de 2018”. As palavras são do deputado Robert Rios (PDT), se referindo a base oposicionista nas eleições estaduais de 2018. O peemedebista João Mádison concordou com a declaração do pedetista, porém, em entrevista ao GP1, o presidente estadual do PP, Júlio Arcoverde, discordou dessa união.

“Não [não estaremos juntos] porque nós fazemos parte da base do governador. Estamos conversando com o governador Wellington Dias e eu acho que até em dezembro a gente chega a um denominador comum em relação a secretarias, cargos, essas coisas”, afirmou Júlio Arcoverde quanto ao atual Governo Estadual, e reafirmando o que havia dito anteriormente sobre as eleições de 2018.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Júlio ArcoverdeJúlio Arcoverde

A afirmação, que partiu primeiramente de Robert Rios, surgiu após a suspensão dos diálogos do PMDB com o Governo Wellington Dias (PT), acerca de cargos na atual administração estadual. Para o parlamentar, a organização da oposição no Piauí é merecida de destaque, em virtude que, historicamente, os oposicionistas só se mostravam em ano eleitoral, o que segundo o deputado estadual, não está acontecendo atualmente.

Enquanto isso, João Mádison destacou que mesmo com a distância acerca do processo eleitoral, ele acredita que esse deverá ser o entendimento, já que os quatro partidos possuem um bom diálogo.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Robert Rios conversa com João MadisonRobert Rios e João Mádison

Link do texto:

Júlio Arcoverde discorda de Robert quanto a união de partidos
http://www.gp1.com.br/noticias/julio-arcoverde-discorda-de-robert-quanto-a-uniao-de-partidos-404583.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.