Piauí - Simões

Justiça determina bloqueio de bens da vice-prefeita de Simões

A decisão é do juiz federal Flávio Marcelo Sérvio Borges, da Vara Única de Picos, e foi dada em 30 de maio deste ano.

GIL SOBREIRA

- atualizado
  • Foto: DivulgaçãoPrefeita de SimõesPrefeita de Simões

A Justiça Federal determinou a indisponibilidade dos bens da vice-prefeita de Simões, Claudeir Feitosa de Carvalho (PSD), acusada de improbidade administrativa pelo Ministério Público Federal em razão de pagamentos realizados por serviços odontológicos não prestados entre os anos de 2011 e 2012, utilizando recursos do Fundo Nacional de Saúde (FNS) “em desrespeito às normas de responsabilidade fiscal”.

A decisão é do juiz federal Flávio Marcelo Sérvio Borges, da Vara Única de Picos, e foi dada em 30 de maio deste ano.

A medida cautelar de indisponibilidade também atinge o ex-tesoureiro e ex-prefeito Francisco Dogizeti Pereira e o odontólogo Pedro Henrique de Sousa Lopes.

Entenda o caso

Segundo o MPF, no período de março de 2011 a janeiro de 2014, Pedro Henrique residia em Caruaru/PE, onde cursava residência e cumpria uma carga horária de 60 horas semanais de segunda a sábado. Nessa mesma época, a Prefeitura de Simões efetuou pagamentos ao acusado por supostos serviços odontológicos.

O juiz determinou o bloqueio de valores existentes em contas correntes e(ou) poupanças dos acusados, até o limite de R$ 74.784,00 (setenta e quatro mil setecentos e oitenta e quatro reais).

Vice-prefeita é cunhada de Zé Ulisses, atual prefeito

Claudeir Feitosa de Carvalho é casada com o secretário de administração Edilberto Abdias de Carvalho, irmão do atual prefeito José Wilson de Carvalho, o conhecido “Zé Ulisses”.