Piauí - Cocal de Telha

Justiça Federal condena ex-prefeito Zé Salú a devolver R$ 69 mil

A sentença é da última sexta-feira (07). Ainda cabe recurso da sentença.

RAISA BRITO

- atualizado

A Justiça Federal condenou, na última sexta-feira (07), o ex-prefeito de Cocal de Telha, José Erasmo da Silva, mais conhecido como Zé Salu pela prática de improbidade administrativa ocorrida no seu mandato.

A ação que foi ajuizada pelo Ministério Público Federal, através do procurador da República Alexandre Assunção e Silva, denunciou o ex-prefeito por deixar de prestar contas de recursos federais repassados pelo FNDE, no exercício de 2008, à conta do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), no montante de R$ 67.328,80.

O ex-prefeito foi condenado a devolver o valor de R$ 69.269,20, atualizados que será revertido ao FNDE, pagamento de multa civil no valor de R$ 30 mil, perda do cargo público, caso ocupe algum, suspensão dos direitos políticos, pelo prazo de 3 anos e proibição de contratar com o Poder Público, inclusive de Cocal de Telha, pelo prazo de 3 anos, qualquer que seja a modalidade contratual.

Ainda cabe recurso da sentença.

MAIS NA WEB