Piauí - Teresina

Líderes comunitários tratam sobre transporte público com Strans

Os assuntos tratados na reunião foi a mudança do terminal do Redonda para o bairro Novo Milênio, quantidade insuficiente de ônibus coletivos para atender a demanda e poucas paradas de ônibus.

THAIS SOUZA

- atualizado

Lideranças comunitárias da zona sudeste de Teresina juntamente com lideranças da região do Angelim reuniram-se com o superintendente da Strans, Carlos Daniel, vereador Zé Nito, vereadora Teresa Britto e o vereador Pedro Fernandes para tratarem sobre assuntos referentes ao transporte público da região.

Em entrevista ao GP1 o líder comunitário da região sudeste da capital, Eliseu Moreira, informou que durante a reunião os assuntos abordados foram a mudança do terminal do Redonda para o bairro Novo Milênio, quantidade insuficiente de ônibus coletivos para atender a demanda e poucas paradas de ônibus.

  • Foto: DivulgaçãoReunião com líderes comunitários Reunião com líderes comunitários

“Mudaram a linha 220 da região sudeste e tiraram a parada final do Redonda levando ela até a comunidade Novo Milênio. A partir ‘daí’, o pessoal amanheceu na segunda-feira com os seus horários de ônibus todos atrasados. O secretário [Carlos Daniel] pediu desculpas aos líderes porque houve realmente esse erro de não ter comunicado as lideranças dos bairros. Foi solicitado também paradas de ônibus com conforto melhor, pois é um abrigo para as pessoas que esperam o ônibus”, disse Eliseu Moreira.

Além disso, o líder comunitário relatou que um representante comunitário do Angelim questionou que os ônibus de Nazária que transporta os passageiros até a região da Cerâmica Cil não podem entrar em Teresina, pois eles não tem autorização da Strans. “A partir disso, eles [passageiros] tem que pegar os ônibus de Teresina, e a quantidade de ônibus são insuficientes para as pessoas do Angelim”, finalizou.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB