Piauí

Manifestantes liberam BR 135 após bloqueio neste sábado

Os manifestantes cobram das autoridades competentes providências quanto às obras necessárias na “rodovia da morte”, que somente em 2017 já fez 41 mortes, 111 feridos em 92 acidentes.

- atualizado

Cerca de 600 pessoas bloquearam a BR 135 no município de Cristino Castro, localizado a 600 KM de Teresina, capital do Piauí. De acordo com a Polícia Militar, cerca de mil veículos ficaram parados formando um grande congestionamento nos dois sentidos da via, que ficou bloqueada das 08 horas da manhã, as 16h30min horas deste sábado (09).

Os manifestantes cobram das autoridades competentes providências quanto às obras necessárias na “rodovia da morte”, que somente em 2017 já fez 41 mortes, 111 feridos em 92 acidentes.

  • Foto: DivulgaçãoBloqueio na BR 135Bloqueio na BR 135

A rodovia BR 135 tem apenas 08 metros, não tem acostamento, e a sinalização é precária, o que está causando uma grande quantidade de acidentes. Para piorar a situação, uma empresa está fazendo o recapeamento, o que está aumentando o desnível da pista, agravando a situação da rodovia.

Um comboio do Exército Brasileiro composto por 6 veículos, além de um ônibus do corpo de bombeiros foram impedidos de passar no bloqueio. A PRF, Polícia Rodoviária Federal do Piauí, junto com oficiais do exército tentaram um acordo com os manifestantes para a liberação da passagem do comboio, porém, os manifestantes não cederam, e os oficiais tiveram que ficar aguardando a liberação da via, o que aconteceu somente as 15h30min, porém pela grande quantidade de veículos, o trânsito só normalizou após as 16h30min.

Além da cidade de Cristino Castro, Colônia do Gurgueia e a localidade Barra de Santana, zona rural de Alvorada do Gurgueia também bloquearam a pista. Essa localidades efetuaram a liberação às 12 horas.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB