Piauí - Dom Inocêncio

Marido de candidata é acusado de ameaçar eleitores em Dom Inocêncio

O GP1 foi informado que agora, outro filho de Virgínia, identificado como Leonardo, e seu marido, identificado como Clóvis, ameaçaram eleitores da cidade.

BÁRBARA RODRIGUES

- atualizado

O GP1 recebeu uma denúncia envolvendo uma emboscada realizada pelo marido e filho da candidata à prefeita de Dom Inocêncio, Maria das Virgens Dias (PP), mais conhecida como Virgínia. Outro filho da candidata, Joaquim Luís Pereira, já tinha sido denunciado após ter ameaçado funcionários da Justiça Eleitoral.

Nessa nova denúncia, o GP1 foi informado que o outro filho de Virgínia, identificado como Léo Dias, e seu marido, identificado como Clóvis, ameaçaram eleitores da cidade. Raquel de Sousa Lopes, que é cabo eleitoral do prefeito Luzivalter Dias dos Santos (PSDB), o Nenê, afirmou que na noite de sábado (1), estava na companhia de mais duas pessoas em uma Hilux, quando foram abordados pelo filho e marido da prefeita, que estavam armados.

“Eu estava com mais duas pessoas, quando primeiro a gente foi abordado pela polícia. Eles revistaram todo o veículo, a documentação e não encontraram nada. Aí tudo bem, seguimos em frente, quando perto da Fundação Ruralista um veículo Hilux nos interceptou. Até achamos que poderia ser outra ação da polícia. Foi quando eles desceram do carro armados e começaram a gritar com a gente”, explicou.

Raquel explicou que eram cinco homens, sendo que dois estavam armados e fizeram diversas ameaças. “Vieram a até a gente, mandando descer do carro e apontaram a arma para a minha cabeça, dizendo que iriam revistar o carro e que se gente não obedecesse eles iriam nos matar. Agarraram o meu cabelo e ficaram me ameaçando com a arma. Depois tentaram abrir o bagageiro do carro e quando não conseguiram, o Clóvis até levantou a mão pra mim, como se fosse me bater, fazendo ameaças. Quando o bagageiro foi aberto e eles viram que não tinha nada, liberaram a gente. Estávamos em uma Hilux, mas eles foram embora e levaram a chave do carro. Tivemos que andar a pé até encontrarmos uma pessoa para nos ajudar”, disse Raquel.

Ela afirmou que estava andando pelos bairros do município para averiguar se estava acontecendo qualquer tipo de compra de voto. “Eles pensavam que nós tínhamos dinheiro, mas quando não encontraram nada, foram embora. As pessoas que estavam nesse carro e nos ameaçaram foram o Léo, o Jovinei, o Clóvis, o Firmino e o Jonhy. O Leo estava com uma pistola e o Jovinei com uma calibre .38. Eu já fiz o registro do Boletim de Ocorrência aqui em Dom Inocêncio porque não podemos deixar as coisas assim, mas até agora eles não fizeram nada aqui, então eu vou pra São Raimundo Nonato falar com a delegada”, finalizou.

Outro lado

Procurados pelo GP1, os envolvidos não foram localizados para comentar a denúncia.


Link do texto:

Marido de candidata é acusado de ameaçar eleitores em Dom Inocêncio
http://www.gp1.com.br/noticias/marido-de-candidata-e-acusado-de-ameacar-eleitores-em-dom-inocencio-402131.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.