Economia e Negócios

Meirelles diz que desemprego deve começar a cair em agosto

Pelo Twitter, o ministro disse que os efeito de uma recessão como a enfrentada pelo Brasil não desaparecem do dia para a noite.

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta terça-feira (13), que a taxa de desemprego deve começar a cair a partir de agosto. O ministro afirmou pelo Twitter que em abril, pela primeira vez em três anos, o desemprego parou de subir.

"Pela primeira vez em três anos, em abril o desemprego parou de subir. E a partir de agosto esta taxa deve começar a cair", escreveu Meirelles.

Meirelles afirmou na rede social que os efeitos de uma recessão tão forte como a enfrentada pelo Brasil nos últimos anos não desaparecem do dia para a noite. “Temos que levar em conta que estamos saindo da maior recessão da nossa história, que deixou 14 milhões de brasileiros sem emprego”, escreveu.

  • Foto: Fábio Motta/Estadão ConteúdoHenrique MeirellesHenrique Meirelles

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou no final de maio que a taxa de desemprego de abril ficou em 13,6% e atingiu um contingente de 14 milhões de pessoas. Segundo o IBGE, a taxa de abril foi menor do que a registrada no trimestre encerrado em março, quando ficou em 13,7%.