Política

Michel Temer pede "esforço" para aprovar PEC do teto de gastos

De acordo com o G1, ao fazer um apelo aos parlamentares para que a PEC seja aprovada, Temer disse que a "tese" da oposição, ao criticar o texto, é uma tese "política" e não jurídica.

DEISE KESSLER

Nesta quarta-feira (05), em discurso no Palácio do Planalto, o presidente Michel Temer pediu um "esforço" ao Congresso Nacional para aprovar a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) enviada pelo governo, que limita o aumento dos gastos públicos pelos próximos 20 anos.

"Eu peço que os senhores [parlamentares] na segunda-feira estejam aqui, porque é fundamental votar isso na segunda-feira, na terça-feira. [...] Eu peço aos senhores que façam um esforço para isso, que é o esforço pelo Brasil", disse Temer.

  • Foto: André Dusek/Estadão Conteúdo Presidente Michel TemerPresidente Michel Temer

De acordo com o G1, ao fazer um apelo aos parlamentares para que a PEC seja aprovada, Temer disse que a "tese" da oposição, ao criticar o texto, é uma tese "política" e não jurídica. "É claro que haverá oposição, mas não se incomodem com oposição. [...] A tese de oposição é o seguinte: 'se eu não estou no governo, eu tenho que destruir o governo'. Isso não é uma coisa nossa, é uma coisa cultural, uma coisa histórica, uma coisa que vem ao longo do tempo", ponderou.


Link do texto:

Michel Temer pede "esforço" para aprovar PEC do teto de gastos
http://www.gp1.com.br/noticias/michel-temer-pede-esforco-para-aprovar-pec-do-teto-de-gastos-402368.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.