Piauí - Teresina

"Minha esposa está bem", diz marido de funcionária da Ferronorte

Hiasnaya Patrícia foi baleada com um tiro na cabeça, durante um assalto na tarde do dia 1º deste mês.

PRISCILA CALDAS

- atualizado
  • Foto: Facebook/Hiasnaya PatríciaHiasnaya Patrícia acompanhada do marido e da filhaHiasnaya Patrícia acompanhada do marido e da filha

O marido da senhora Hiasnaya Patrícia Nunes Carvalho, de 32 anos, baleada com um tiro na cabeça, durante um assalto na tarde do dia 1º deste mês na Ferronorte, gravou um áudio, que foi rapidamente compartilhado em uma rede social, em que ele fala de forma emocionada sobre a recuperação da esposa, agradece as orações feitas a ela e diz que está confiante na recuperação.

Leia na íntegra o conteúdo do áudio divulgado pelo marido de Hiasnaya Patrícia!

Bom dia, meus amigos, familiares, amigos da Patrícia! Hoje eu estava ali esperando, aguardando algum resultado, alguma resposta sobre a minha esposa e a enfermeira de repente me chama correndo. Saí assustado para ver o que era, quando de repente a minha esposa estava numa cama especial, aquela cama que levanta. Ela ficou em pé, em 60 graus. Foi muito emocionante ver ela em pé novamente. Todo mundo junto lá. A gente bateu palmas para ela. Ela em pé, amarrada na cama, naquela cama especial, para fazer uma circulação do sangue melhor, para oxigenar o pulmão melhor... então minha esposa está bem, ela está se recuperando, estou muito emocionado. Nesse momento, ela ‘tá’ até sentada em uma cadeira. Colocaram ela em uma cadeira, para fazer uma circulação melhor do sangue. Vão fazer o teste já hoje, para tirar o tubo da garganta dela, para ela começar a respirar sozinha. Eu falei com ela, falei de todas as orações, que todos estão fazendo. Ela se emocionou quando eu comecei a falar com ela. Ela realmente chorou hoje. Hoje ela realmente chorou. Vi que ela chorou mesmo. As enfermeiras também falaram ‘ela está chorando mesmo’, e quando eu me distanciei dela, para sair da UTI agora novamente, soltaram a mão dela, ela levantou a mão rápido, tipo como se quisesse me dar tchau, sei lá, pegar na minha mão, ela começou a chorar. Todos me chamaram de volta, eu peguei na mão dela. E assim ‘tá’ sendo... eu ‘tô’ muito feliz. Eu não ‘tô’ chorando de tristeza não, só de felicidade pela garra dela, pela força de vontade de viver. Obrigado, muito obrigado pelas orações e pelo carinho de todos... um abraço a todos e vamos orar mais ainda! Muito obrigado!

O crime

Na tarde do dia 1º de novembro, Hiasnaya Patrícia foi baleada com um tiro na cabeça, durante um assalto a empresa Ferronorte, no bairro Lourival Parente, zona sul de Teresina. Três homens foram presos e um adolescente foi apreendido. Durante o assalto, a funcionária ficou refém dos bandidos e um deles atirou contra ela no momento em que um cliente tentou fugir do local. Em meio ao tiroteio, o cliente também terminou atingido, mas conseguiu escapar.

Com os suspeitos foram apreendidos dois revolveres calibre 38 e a quantia de R$ 280,00, que foram roubados de clientes. Eles não conseguiram levar o dinheiro do caixa da loja.


Link do texto:

"Minha esposa está bem", diz marido de funcionária da Ferronorte
http://www.gp1.com.br/noticias/minha-esposa-esta-bem-diz-marido-de-funcionaria-da-ferronorte-404313.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.