Enviar por e-mail

Enviar notícia por e-mail
Exemplo: nome@example.com. Para enviar para mais de uma pessoa, separe os endereços por vírgulas
Informe o seu nome
Informe o seu endereço de e-mail
Os comentários serão incluídos na mensagem

Comunicar erros

Comunicar erro na notícia
Informe o seu nome
Informe o seu endereço de e-mail
Descreva o que há de errado com esta notícia
19/12/2013 - 12h09
Confira!

Ministério da Educação estabelece base do novo piso salarial de professores para 2014

O percentual de crescimento de valores foi de 8,32%, elevando o piso nacional à quantia de R$ 1.697,37.

Atualizada em 19/12/2013 - 12h10
Foi publicada na quarta-feira (18/12), por meio da Portaria Interministerial nº 16 (DOU, pág. 24), a nova estimativa de custo aluno do Fundeb para 2013, que serve de referência para a correção do piso salarial do magistério em 2014. O critério utilizado pelo MEC para atualizar o piso, em 2014, compara a previsão de custo aluno anunciada em dezembro de 2012 (R$ 1.867,15) com a de dezembro de 2013 (R$ 2.022,51), sendo que o percentual de crescimento entre os valores foi de 8,32%, passando o piso à quantia de R$ 1.697,37.

Desde 2011, o Governo do Estado vem mantendo a implantação do piso estadual de acordo com o nacional. E o mesmo deve acontecer em 2014. O Piauí seguirá a porcentagem estabelecida pelo MEC, garantindo que os professores da Rede continuem recebendo o Piso Salarial estabelecido que, atualmente no Estado, é maior que o Piso Nacional.

Em termos comparativos, o piso salarial pago pelo governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Educação e Cultura (Seduc), chega a ser 15,8% maior que o valor estipulado pelo Mec. “Isso mostra nosso compromisso, do governador Wilson Martins e da Seduc, com a educação e com os servidores. Estamos sempre procurando formas de garantir a melhoria da qualidade do ensino ofertado e a satisfação de todos os trabalhadores que fazem a Educação no Piauí”, diz o secretário de Estado da Educação e Cultura, Átila Lira.

Comparativo - Piso salarial(Imagem:Reprodução)Comparativo - Piso salarial

Curta a página do GP1 no facebook: www.facebook.com/PortalGP1

Keywords: seduc, mec, governo do piauí, fundeb, governador wilson martins, secretário átila lira, salários dos professores em 2014


Saiba mais sobre Notícias do Piauí

Leia também

Avalie:
Média de avaliações:
0 votos
Comente esta reportagem
Comentário
Escreva aqui seu comentário
De onde você é?
Escolha um Estado
Escolha sua Cidade
Quem é você?
Informe o seu Nome
Informe o seu E-mail!

Comentários (2)

  • JOAO ALBERTO DE CARVALHO MACHADO, Piracuruca-PI disse:
    Deixado em 19/12/2013 às 18h03

    O secretario Átila Lira vem fazendo um grande trabalho em favor da educação do Piaui.

  • raimundo, Simões-PI disse:
    Deixado em 19/12/2013 às 15h33

    amigo os petistas sempre foram assim. alias a maioria dos politicos. tem municipio que nao pagou o piso salarial estabelecido para o ano de 2013.

Publicidade

tempo real


Publicidade