Piauí

Miss Piauí Renata Lustosa denuncia agressão em vídeo no Youtube

Nas imagens, Renata aparece com marcas de sangramento no nariz e hematomas no rosto e pescoço.

JOCIARA LUZ

- atualizado

A miss Piauí 2011, Renata Lustosa, de 27 anos, publicou um vídeo em seu canal no Youtube, na tarde desta quinta-feira (24), onde afirma ter sido agredida pelo ex-companheiro. Nas imagens, Renata aparece com marcas de sangramento no nariz e hematomas no rosto e pescoço.

  • Foto: Instagram/Renata LustosaRenata LustosaRenata Lustosa

A jovem afirmou que a agressão ocorreu por um motivo banal e que nada justifica o caso. “Mais uma vez foi agressão física, por causa de uma coisa banal, uma briga, mentiras. Por mais que ele ou eu estejamos errados, nada justifica um homem bater numa mulher”, diz Renata visivelmente abalada.

  • Foto: Youtube/Renata Bruna O vídeo foi publicado na conta de Renata Lustosa no youtube, na tarde desta quinta-feiraO vídeo foi publicado na conta de Renata Lustosa no youtube, na tarde desta quinta-feira

A miss Piauí 2011 também disse que seu filho presenciou a briga e já foi ameaçada de morte pelo ex-companheiro por diversas vezes. “Com nosso filho vendo tudo na frente, meu filho vendo tudo. Eu casei com um monstro, porque a Maria da Penha, eu vou lá, registro queixas, vão atrás dele, ele vai ser preso um dia, mas no outro ele vai vir, como ele já prometeu milhões de vezes, ele vai voltar para me matar, e eu não duvido. Tanto que eu já apanhei com ele, por isso que eu decidi largar de tanto apanhar, apanhar, apanhar”, declarou.

Renata ainda questionou, na descrição do vídeo, “até onde a lei Maria da Penha é eficaz?”.

Confira o vídeo na íntegra

Mais conteúdo sobre:

Link do texto:

Miss Piauí Renata Lustosa denuncia agressão em vídeo no Youtube
http://www.gp1.com.br/noticias/miss-piaui-renata-lustosa-denuncia-agressao-em-video-no-youtube-404936.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.