Piauí - Teresina

Nucepe aponta que 28% dos candidatos não fez prova da PM-PI

"Muita gente não dispõe dos recursos para retornar à cidade para refazer a prova, por isso a explicação para a alta número de abstinência”, disse Pedro Soares, presidente do Nucepe.

RAFAEL GALVÃO

- atualizado

O Núcleo de Concursos e Promoções de Eventos (Nucepe) da Universidade Estadual do Piauí (UESPI), informou que 28% dos candidatos não fizeram a prova objetiva do concurso da Polícia Militar realizado no domingo (09). O certame contou com 32.561 inscritos, mas somente 23.234 compareceram aos locais de aplicação.

Em entrevista ao GP1, o presidente da Nucepe, Pedro Soares, comentou sobre o número de pessoas que refizeram as provas. “Tivemos muitos candidatos de fora, de Pernambuco mais de 2 mil, da Bahia mais de 3 mil, além de outras regiões do país e do interior do estado. Logo muita gente não dispõe dos recursos para retornar à cidade para refazer a prova, por isso a explicação para o alto número de abstenção”, disse.

  • Foto: Thais Guimarães/GP1Pedro SoaresPedro Soares

“Levamos em consideração as mesmas pessoas que estavam aptas a fazer a primeira prova, nem todas vieram realizar a segunda, pois a anulação foi apenas da prova, sem qualquer alteração nas inscrições do certame”, revelou Pedro Soares.

Ele falou ainda que o mesmo sistema de segurança usado no dia da prova, vai continuar nos próximos concursos da banca. “Todas as novas técnicas de segurança usadas na prova do último domingo (09) serão continuadas para garantir a estabilidade e a confiança de quem participa dos nos certames”, explicou Soares.

Pedro disse que a instituição retomou a credibilidade. “Estamos convictos que o Núcleo está livre de uma imagem negativa, na medida do possível fizemos um excelente trabalho, não chegamos a 100%, mas estamos caminhando para isso, até desaparecer as dúvidas criadas nos últimos episódios não muito exitosos”, finalizou o presidente.

Dia 27 de julho será a divulgação dos convocados para a próxima etapa do concurso, onde o candidato passará por uma série de exames, de caráter eliminatório.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB