Brasil

OMS aponta que Brasil tem a nona maior taxa de homicídios do mundo

O levantamento, no entanto, aponta uma leve queda do índice no Brasil.

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) apontam que o Brasil tem a nona maior taxa de homicídios do mundo, com 30,5 casos a cada 100 mil pessoas. O levantamento, no entanto, aponta uma leve queda do índice no Brasil.

Mesmo com a redução, o país continua entre os países que lideram o número de homicídios no mundo. De acordo com informações do Estadão, em 2012, a taxa era de 32,4 mortes no Brasil para cada 100 mil pessoas. O país que lidera o ranking é Honduras, com 85,7 homicídios para cada 100 mil pessoas. Todos os dez primeiros colocados estão nas Américas. O segundo colocado é o El Salvador, seguido por Venezuela, Colômbia e Belize.

“A taxa na América Latina é substancialmente mais alta que nos resto do mundo”, disse o analista da OMS, Colin Mathers. Segundo ele, 25% dos homicídios no mundo ocorrem na região, alimentador por desigualdade social, acesso a armas e drogas.

Segundo a OMS, em 2015, cerca de 468 mil pessoas foram assassinadas no mundo, das quais 80% eram homens. Entre as diferentes regiões, são os homens latino-americanos os mais ameaçados, com uma taxa de 32,9 para cada 100 mil pessoas. Esse índice é 12 vezes superior ao que é registrado na região do Pacífico.

Os dados também revelam que, em 2015, homicídios mataram três vezes mais do que a guerra. O ano registrou, segundo a OMS, um total de 152 mil mortes em conflitos, o que representa 0,3% das mortes daquele ano.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB