Política

Padilha volta a trabalhar após afastamento por motivos de saúde

Ministro da Casa Civil passou por uma cirurgia na próstata e ficou 21 dias de atestado médico.

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, voltou ao trabalho nesta segunda-feira (13), após ficar afastado por 21 dias das atividades por conta de uma cirurgia na próstata.

De acordo com informações do G1, no retorno ao Palácio do Planalto, Padilha participou, com o presidente Michel Temer, os ministros Sergio Etchegoyen (Gabinete de Segurança Institucional), Osmar Serraglio (Justiça) e Raul Jungmann (Defesa), de uma reunião para discutir segurança pública e combate ao crime organizado.

  • Foto: Werther Santana/Estadão ConteúdoEliseu Padilha Eliseu Padilha

O encontro tinha como objetivo apresentar novas medidas para articular melhor a segurança pública no país. Elas serão organizadas em três eixos principais: aperfeiçoamento das estruturas governamentais, fortalecimento do combate ao crime organizado e ilícitos transnacionais, fortalecimento da atividade de inteligência.

Ainda hoje, às 17h30, Padilha se reunirá com os líderes do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), no Congresso, André Moura (PSC-SE), na Câmara, Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), e o líder da maioria na Câmara, Lelo Coimbra (PMDB-ES) para discutir a reforma da Previdência.

MAIS NA WEB