Piauí - Teresina

Parque da Cidadania recebe ato em alusão à campanha Setembro Amarelo

Ato em alusão ao mês de prevenção ao suicídio contou com caminhada, distribuição de material informativo, abraço coletivo e roda de conversa coordenada por psicólogos.

LUCAS MARREIROS

- atualizado

O Parque Estação Cidadania, no centro de Teresina, recebeu, neste domingo (10), um ato em alusão à campanha Setembro Amarelo, considerado o mês de prevenção ao suicídio. A ação foi realizada pela Fundação Municipal de Saúde (FMS).

O ato contou com uma caminhada, na qual os participantes carregavam cartazes relativos à prevenção do suicídio e distribuíram material informativo. Após a caminhada foi feito um abraço coletivo e uma roda de conversa, que foi coordenada por psicólogos da rede de atenção psicossocial do município.

Os profissionais passaram informações pertinentes sobre onde pedir ajuda em caso de ideação suicida, como ajudar a pessoa com essa ideação, onde ir, como ir, explicando o fluxo de atendimento.

Setembro Amarelo

Durante todo o mês de setembro os CAPS estão realizando atividades com os usuários, abordando a temática de valorização da vida. A FMS mantém há quase três anos o PROVIDA, ambulatório especializado no tratamento de pessoas com ideação suicida. O local fica dentro do Centro Integrado Lineu Araújo e disponibiliza psicólogos e psiquiatra.

O PROVIDA atende todos os públicos, inclusive crianças e adolescentes e funciona de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. O atendimento é por demanda espontânea, ou seja, não precisa de marcação prévia. O paciente é atendido por psicólogo e psiquiatra e, dependendo do quadro, inicia o acompanhamento no ambulatório. Em 2016, o ambulatório de prevenção ao suicídio realizou 3.137 atendimentos a pessoas com ideação ou crise suicida.

O PROVIDA é responsável pelos casos dos chamados comportamentos suicidas, pessoas que tenham pensamentos, planejaram ou tentaram suicídio recentemente.

MAIS NA WEB