Brasil

PF deflagra operação de combate a venda ilegal de carnes

Polícia suspeita de irregularidades em grandes frigoríficos e cumpre mandados em sete estados do país.

NAYRANA MEIRELES

- atualizado

A Polícia Federal (PF) cumpre na manhã desta sexta-feira (17), 311 mandados judiciais, em sete estados do Brasil. A operação, batizada de “Carne Fraca”, apura o envolvimento de fiscais do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (Mapa) em um esquema de liberação de licenças e fiscalização irregular de frigoríficos.

Segundo a PF, as investigações atingem algumas das maiores empresas do país, entre elas a BRF Brasil e JBS. As investigações apontam que os fiscais atuavam pedindo propina para empresários, que cediam e chegavam a receber até o poder de indicar quem exerceria a fiscalização nas empresas.

  • Foto: Agência BrasilPolícia FederalPolícia Federal

Estão sendo cumpridos mandados em São Paulo, Distrito Federal, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Goiás. A operação conta com 1,1 mil policiais e dentre os mandados, 26 são de prisão preventiva, 11 de prisão temporária e 79 conduções coercitivas. De acordo com o G1, outros 195 mandados são de busca e apreensão e a Justiça determinou ainda o bloqueio de R$ 1 bilhão de todos os investigados do caso.