Esportes

Piauiense Hélio Monteiro lamenta mortes de amigos da Chapecoense

O piauiense usou a rede social Facebook para dizer que está muito triste com o ocorrido e desejou condolências aos familiares e amigos das vítimas desse trágico acidente.

PRISCILA CALDAS

- atualizado

O zagueiro piauiense, Hélio Monteiro, que foi contratado recentemente pelo Associação Atlética Caldense, de Poços de Caldas-MG, lamentou as mortes ocorridas com o trágico acidente com a aeronave que conduzia a delegação da Chapecoense, na madrugada desta terça-feira (29). Mais de 70 pessoas morreram, dentre elas, jogadores, equipe técnica do time, jornalistas e tripulantes.

Hélio Monteiro já havia atuado com dois jogadores que morreram no acidente: o Gimenez (lateral e volante), que tinha 21 anos, no Comercial de Ribeirão Preto, e o volante Sérgio Manoel, de 27 anos, no Rio Preto, da cidade de São José do Rio Preto.

"Eu e o Sergio Manoel éramos mais próximos porque até um ano atrás nós tínhamos o mesmo empresário", afirmou ao GP1. O piauiense usou também a rede social Facebook para dizer que está muito triste com o ocorrido e desejou condolências aos familiares e vítimas do trágico acidente.

  • Foto: Facebook/Hélio Monteiro / Associação Chapecoense de FutebolHélio Monteiro lamenta morte de jogadores da ChapecoenseHélio Monteiro lamenta morte de jogadores da Chapecoense

Confira a publicação de Hélio Monteiro!
A vida é um sopro! 
Nós fazemos planos, traçamos metas, almejamos objetivos traçados, mas os propósitos de Deus são diferentes e melhores que os nossos!
A tristeza é imensa, não há palavras que descreva tamanha dor.
Aos mais próximos, Sergio Manoel e Gimenez com quem tive a satisfação de jogar junto, seus familiares e amigos de todos aqueles que estão passando por essa tragédia, meus mais sinceros sentimentos!
#ForçaChape 
#Luto

O acidente
O fato aconteceu por volta das 22h15 de segunda-feira (28), horário local na Colômbia, e às 1h15 de ontem (29), horário de Brasília. A aeronave caiu ao se aproximar do aeroporto José Maria Córdova, em Rionegro, perto de Medellín. Havia 81 pessoas no avião, sendo que 75 delas morreram. As caixas-pretas do avião já foram encontradas.

  • Foto: Twitter/Departamento de Polícia de AntioquiaEquipes já retiraram os corpos do localEquipes já retiraram os corpos do local

Um tripulante da companhia Avianca, que estava em uma rota próxima ao voo da Chapecoense, disse ter ouvido o diálogo entre o piloto da aeronave da LaMia e a torre de controle do aeroporto colombiano de Rionegro, perto de Medellín, onde o avião deveria pousar. Ele afirmou ter ouvido: “solicitamos prioridade para proceder, solicitamos prioridade para proceder ao localizador, temos problemas de combustível”.

O presidente da República, Michel Temer, decretou luto oficial de três dias após a tragédia. Um vídeo publicado por um dos jogadores mostra a alegria do time momentos antes do voo.

Mais conteúdo sobre:

Link do texto:

Piauiense Hélio Monteiro lamenta mortes de amigos da Chapecoense
http://www.gp1.com.br/noticias/piauiense-helio-monteiro-lamenta-mortes-de-amigos-da-chapecoense-405199.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.