PI - Teresina

Polícia Civil prende acusado de matar pai de juiz no Bela Vista

O idoso tinha 77 anos e era pai do juiz federal do estado do Maranhão, José Valterson Lima, de um taxista da Teletáxi e mais três filhas.

LUCAS MARREIROS

- atualizado

A Delegacia de Homicídios prendeu, na tarde desta segunda-feira (25), um dos acusados de cometer latrocínio (roubo seguido de morte) contra o idoso Severino Lima, no bairro Bela Vista, na semana passada. O preso foi identificado como Mateus Mendes da Silva, de 18 anos, e foi o autor do disparo que matou o idoso.

  • Foto: Divulgação/PCMateus Mendes da Silva, 18 anosMateus Mendes da Silva, 18 anos

Mateus mora na região da Vila Tirandentes, mas foi preso na casa de familiares na cidade de Nazária, onde estava escondido.

Segundo o delegado Danúbio Dias, a família de Mateus deu dinheiro para que ele fugisse: “No decorrer da manhã de hoje conseguimos localizá-lo, na zona rural de Nazária, um policial nosso que conhece bem a região foi até lá e capturou. A família tinha dado recursos financeiros pra ele fugir e na terça-feira pela manhã ele fugiu pra casa desses parentes”.

À polícia, Mateus disse que se arrependeu: “[O idoso] Era um alvo fácil, foi uma escolha aleatória. Ele afirmou que queria apenas o celular. Ele foi o autor do disparo. Afirmou que se arrepende e que [o tiro] foi uma reação ao comportamento da vítima, que se levantou com a mão na cintura”, relatou o delegado.

Em entrevista à imprensa, o preso contou que pensou que o idoso fosse reagir, por isso atirou: "Pensei que ele fosse puxar uma coisa lá, aí eu peguei e atirei lá, ele tava tocando flauta, na hora que ele puxou eu atirei nele, pensei que ele ia atirar. Ele não reagiu, pensei que ele fosse reagir", contou.

A polícia gravou um vídeo em que Mateus conta detalhes do crime. Assista abaixo!

O idoso tinha 77 anos e era pai do juiz federal do estado do Maranhão, José Valterson Lima, de um taxista da Teletáxi e mais três filhas.

O crime

Severino Lima da Silva foi morto com um tiro no peito, no dia 18 de setembro deste ano, após esboçar uma reação durante tentativa de assalto no bairro Bela Vista I, na zona sul de Teresina.

  • Foto: Facebook/Aristony GomesIdoso Severino LimaIdoso Severino Lima

Segundo informações do tenente Gomes, do 6° Batalhão da Polícia Militar, o idoso estava sentado na porta de casa com a esposa, com uma flauta na mão, como fazia comumente nos fins de tarde, quando dois homens em uma moto chegaram e anunciaram o assalto. Severino se assustou e levantou da cadeira. Os criminosos acharam que o objeto que ele carregava era uma arma e atiraram no idoso.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB